Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 27 de maio de 2017

Travessia Salvador-Mar Grande suspende operações das 8 às 12h

A travessia Salvador-Mar Grande para por quatro horas  neste sábado (27), por causa da maré baixa prolongada. O serviço será interrompido às 8h  e só volta a atender às 12h . A maré baixa impede a atracação dos barcos no Terminal de Vera Cruz, na Ilha de Itaparica, devido à pouca profundidade do canal de navegação.

A previsão da Astramab (Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia) é que a suspensão do serviço exigirá  a colocação de horários extras quando a operação  for retomada, às 12h, com embarcações saindo de 15 em 15 minutos dos terminais de Vera Cruz, na Ilha de Itaparica, e no Terminal Náutico, na capital. Os últimos horários da travessia estão mantidos  normalmente hoje. Para Mar Grande, a última embarcação   sai às 20h do Terminal Náutico. No sentido inverso, a última saída será às 18h30.

Para os usuários da linha Salvador-Morro de São Paulo, a Astramab informa que a travessia opera sem qualquer restrição neste sábado  e com bom movimento de venda de passagens nos guichês do Terminal Náutico. Os horários saindo de Salvador são 8h30, 9h, 10h30, 13h e 14h30. Para quem faz a viagem no sentido inverso, as saídas são às 9h, 11h30, 13h e 15h. Para as escunas que fazem o passeio turístico pelas ilhas da Baía de Todos os Santos, a previsão é de que zarpem hoje com ocupação moderada. Elas saem às 9h e retornam a Salvador às 17h30. O tour inclui paradas na Ilha dos Frades e em Itaparica.

ASTRAMAB ESCLARECE SOBRE PARADAS DA TRAVESSIA EM PERÍODOS DE MARÉ BAIXA

A propósito de questionamentos   sobre as paradas momentâneas que o sistema da travessia Salvador-Mar Grande é obrigado a fazer em períodos de maré baixa prolongada, a Astramab (Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia) esclarece que o canal de navegação do terminal hidroviário de Vera Cruz, equipamento que pertence ao Governo do Estado, fica inoperante com maré baixa. A entidade explica que vem defendendo a realização, junto ao governo, da dragagem (remoção de sedimentos como areia do canal para permitir a passagem das embarcações) e derrocagem (processo de retirada das pedras que impedem a plena navegação). Com esses serviços executados, a travessia ficaria livre de fazer paradas obrigatórias em períodos de maré baixa, beneficiando ainda mais os seus usuários, sempre atendidos com horários pontuais e por um sistema que é o meio de transporte mais rápido para a Ilha de Itaparica.
------

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑