Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Quintais agroflorestais são alternativa de renda para agricultores familiares


Uma alternativa viável para a agricultura familiar, os Quintais Agroflorestais são uma aposta do Governo do Estado, por meio do projeto  Bahia Produtiva, que está investindo mais de R$ 3 milhões na ação, em diversos municípios baianos, atendendo a 368 famílias. O projeto, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), tem o objetivo de promover a inclusão socioprodutiva dos agricultores familiares baianos.

Na comunidade de Lagoa da Pedra, no município de Mirante, no sudoeste do estado, a implantação do Quintal Agroflorestal já teve início e está levando esperança aos moradores do local. O presidente da associação de Produtores Rurais da Região de Lagoa da Pedra, Jorlando Manoel, afirmou que a ação vai abrir portas para muitos jovens, além de levar um alimento de qualidade para a comunidade: “Acredito que nossos jovens não vão precisar sair para buscar trabalho em outras cidades, pois vão ver que é possível tirar o sustento de suas próprias terras. Agradecemos ao governador Rui Costa pela oportunidade e pela preocupação que ele tem com o meio rural”.

Para o jovem beneficiário do Bahia Produtiva, Thiago Pereira, o projeto chegou pra melhorar a vida do homem do campo. “A chegada da ação nos dá esperança de engajar o trabalho, conseguir produzir com a terra e economizar consumindo um produto, sem agrotóxicos, produzido pela gente. É uma oportunidade pra gente buscar melhorias para nossa vida”.

Os Quintais Agroflorestais são compostos por plantas alimentares, condimentares, medicinais, ornamentais, entre outras, e a criação de animais de pequeno porte. Também faz parte da ação a construção de cisternas para produção, com capacidade de cinco mil litros. Na comunidade de Lagoa da Pedra, o investimento é de R$158,2 mil.

Segundo o coordenador do Bahia Produtiva, Fernando Cabral, os Quintais Agroflorestais têm o intuito de propiciar uma fonte alternativa de alimentos de alta qualidade, como frutas, hortaliças e espécies medicinais, tanto de forma qualitativa, quanto quantitativa, para a alimentação diária dessas famílias, além de ser uma fonte de proteínas, pela criação de pequenos animais: “A ação visa promover a convivência harmoniosa do homem com o seu meio ambiente, a segurança alimentar e nutricional, por meio dos investimentos em infraestruturas socioprodutivas, que contribuirão para melhorar e diversificar as fontes de alimentação e renda dos agricultores familiares beneficiários”.

Além de Mirante, estão sendo implantados Quintais Agroflorestais em comunidades dos municípios de Camamu, Porto Seguro, Abaré, Ilhéus, Santanópolis, Ribeira do Pombal, Mirante, Laje, Mutuípe e Igaporã.   

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑