Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 19 de setembro de 2017

'Primavera nos Museus' oferece programação gratuita até domingo

A 11ª Primavera dos Museus, evento nacional que, na Bahia, é promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura (Secult) e do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), teve abertura realizada na manhã desta segunda-feira (18), com muitas atividades artísticas no Centro Cultural Solar Ferrão, no Pelourinho. Crianças e adultos participaram das ações, que têm o objetivo de mostrar como pode ser divertido e enriquecedor visitar museus. 

Um grupo de alunos da Escola Municipal Vivaldo da Costa Lima foi o primeiro a participar das atividades. Além de assistirem à contação de histórias e apresentarem canções que abordam o tema ‘primavera’, eles percorreram as ruas do Pelourinho em cortejo performático, resultado da oficina “Poemusik – Poesia Musicada”, realizada pelo Museu Udo Knoff. A oficina é uma experiência criativa com o mundo das palavras, que tem como referência a poesia de rua e a música de improvisação, estabelecendo a relação do museu com a música. 

“A Poemusik são ações ligadas à poesia que o museu leva par ao ambiente escolar. A gente aproxima as atividades do museu dos estudantes de uma forma lúdica que atrai a atenção e estimula a busca pelo conhecimento histórico que tem nos museus da Bahia”, explica a coordenadora do Museu Udo Knoff, Renata Alencar. 

Programação

A programação gratuita da 11ª Primavera dos Museus vai até domingo (24), com oficinas de poesia, HQ e origami, palestras e apresentações artísticas. Destaque para o lançamento do Livro ‘O Som dos Esquecidos’, de Emília Biancardi, no dia 22 de setembro no Centro Cultural Solar Ferrão; e para a apresentação da Orquestra Museofônica.

O evento conta com uma série de ações que serão realizadas no Museu Udo Knoff, no Centro Cultural Solar Ferrão, no Museu Tempostal, no LabDIMUS – Laboratório de Educação Digital: Museu Arte e Cultura – todos no Pelourinho – e no parque Histórico Castro Alves, em Cabaceiras do Paraguaçu, no Recôncavo Baiano. 

Nesta edição, mais de 900 museus de todo país oferecem ao público 2,5 mil atividades especiais. Na Bahia, o número chega perto da totalidade dos 200 espalhados pelo território. Com o tema “Museus e suas Memórias, o evento chama atenção para a reflexão sobre a história dessas instituições, em como ela se constrói através dos tempos, como os museus se fazem presentes na vida das pessoas e dos lugares onde estão inseridos. São memórias construídas a partir da conexão entre o museu e a sociedade que, não só fortalece a memória institucional, mas, também a da coletividade. 

“A 11ª Primavera dos Museus é um evento grande em que os principais museus do país intensificam as atividades que já acontecem durante o ano todo. A Bahia também participa. Esta edição com o tema Museus e suas Memórias, falamos sobre os museus de diversas formas com muitas linguagens. Em muitas atividades, inclusive, direcionamos a mensagem para as crianças, que, sem dúvida, vão gostar”, destaca a chefe de gabinete do Ipac, Ana Liberato. 

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑