Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Teatro Lambe-Lambe celebra 28 anos

Evento comemora aniversário de criação do gênero cênico. Dia 30 de setembro, sábado no Teatro Martim Gonçalvese 01 de outubro no vão livre do TCA

O Teatro Lambe-Lambe comemora aniversário de 28 anos no dia 30 de setembro, sábado. A técnica criada em 1989 pelas arte-educadoras Denise Di Santos e Ismine Lima, é inspirada nos antigos fotógrafos de praça das cidades do Brasil, conhecidos popularmente como fotógrafos de lambe-lambe. O Festejo do Teatro Lambe-Lambe acontece no dia 30, às 9h, com a mesa-redonda Rumos do Teatro Lambe-Lambe, no Teatro Martim Gonçalves, com entrada franca e no dia 1º de outubro, domingo, com apresentações de Teatro Lambe-Lambe no Vão Livre do Teatro Castro Alves, das 10h às 17, com entrada franca.

O Festejo, que acontece anualmente em espaços diversos da cidade, este ano conta com o apoio institucional da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb). A programação pretende, além de fazer apresentação de espetáculos nas tradicionais caixas de lambe-lambe, discutir novas possibilidades para esta técnica teatral que foi criada na Bahia e tem ganhado espaço em outros estados e até em outros países. Há festivais de Teatro de Lambe-Lambe que movimentam grande público em Belo Horizonte e em Valparaíso, no Chile, por exemplo.

Programação - “É preciso inserir o Teatro Lambe-Lambe no contexto social, político e artístico do território baiano”, diz Denise Di Santos. Com o objetivo de conseguir maior espaço de realização e visibilidade, o Festejo se inicia com a mesa-redonda Rumos do Teatro Lambe-Lambe, no dia 30 de setembro, às 9h, no Teatro Martim Gonçalves, convidando artistas e representantes dos setores culturais do poder público estadual e municipal para que se discutam projetos ou programas específicos para a valorização, a produção, a qualificação e a visibilidade desta técnica artística.
No Festejo do dia 1º de outubro o evento vai reunir 16 caixas de apresentação no Vão Livre do Teatro Castro Alves, programação que irá incluir o espetáculo A Dança do Parto, primeiro trabalho realizado com a técnica, apresentado pelas artistas Denise Di Santos e Ismine Lima.

Um espetáculo de Teatro de Lambe-Lambe dura, em média, dois ou três minutos. O lambelambeiro, artista que conduz o espetáculo manipulando os bonecos em miniaturas, se apresenta repetidas vezes durante o evento, fazendo espetáculos individuais, ou seja, atendendo a um espectador por vez. É um programa diferente que pode ser apreciado por toda a família, crianças e adultos, e cada um vive individualmente o seu próprio espetáculo, divertindo-se e se emocionando, olhando dentro da caixa para viver, por alguns minutos, uma história inteira acontecendo na menor sala de espetáculos.

Como traduz Denise Di Santos, criadora da técnica, “os minutos de um espetáculo em uma caixa de Lambe-Lambe são, pra mim, a invasão do centro do espelho, é o momento de se modificar e modificar o outro”.

Serviço:
Festejo do Teatro Lambe-Lambe
Mesa Redonda Rumos do Teatro Lambe-Lambe
Onde: Teatro Martim Gonçalves
Quando: 30 de setembro (sábado), às 9h
Ingresso: Entrada franca

Apresentações de Teatro Lambe-Lambe
Onde: Vão Livre do Teatro Castro Alves
Quando: 1º de outubro (domingo), das 10h às 17
Ingresso: Entrada franca

Produção:
Juliana Querino /71 99162-5966
Informações: www.fundacaocultural.ba.gov.br


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑