Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

ACM Neto junta-se ao Pacto Global de Prefeitos para o Clima e Energia


O prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto, em encontro com o Embaixador da União Europeia no Brasil, João Cravinho, assinou nesta quinta-feira, 19 de outubro, em Salvador, a Carta de Compromisso do Pacto Global de Prefeitos para o Clima e Energia em sua vertente latino-americana, tornando a capital da Bahia, a primeira cidade a renovar seu compromisso, aderindo ao Pacto Global de Prefeitos na América Latina e o Caribe.

A adesão ao Pacto Global de Prefeitos, para Salvador, significa um compromisso não apenas de tomada de ações locais audaciosas, mas também de trabalho lado-a-lado com parceiros ao redor do mundo, para assim compartilhar soluções inovadoras que permitam que os prefeitos atuem cada vez mais rápido. Cidades e governos locais do Pacto Global se conectam entre si e realizam trocas, aprendendo e compartilhando uns com os outros. Sendo parte da comunidade, eles fortalecem suas habilidades de implementar ações climáticas ambiciosas. Prefeitos e agentes locais comprometidos com o Pacto Global de Prefeitos têm a chave para cumprir o Acordo de Paris: O sucesso do Acordo de Paris está com cidades, negócios, comunidades e cidadãos globais ao redor do mundo.

ACM Neto afirmou hoje que “essa ação reafirma nosso trabalho em fazer de Salvador uma cidade cada vez mais sustentável e verde. Aproveitei a oportunidade para apresentar ações do Salvador 360, buscando mais parcerias e oportunidade para nossa capital”.

Segundo o Embaixador da União Europeia, João Cravinho "a Bahia tem um potencial importante no sector das energias renováveis, tema onde a União Europeia é pioneira. A nossa parceria estratégica com o Brasil está baseada num compromisso compartilhado sobre temas como o desenvolvimento sustentável e a luta contra as mudanças climáticas. Lideramos o uso das energias limpas, como é o caso da eólica e da solar num compromisso por uma economia mais sustentável”.

O Secretariado do Pacto dos Prefeitos na América Latina apoiou a assinatura de hoje em Salvador. Manuel Alejandro Fuentes, diretor do programa IUC para America latina e o Caribe e membro do Secretariado disse que “este é o primeiro passo na formação do Pacto Global na America Latina. No mês que vem, a cidades capitais do Brasil assinarão a carta compromisso com o Pacto, formando um grupo inicial de excelência que atrairá a outras cidades do país”.

Após a assinatura, uma mesa redonda liderada por João Cravinho foi realizada para discutir as consequências negativas das mudanças climáticas e a importância de se juntar ao Pacto Global dos Prefeitos, convertendo cidades e governos locais em agentes de mudança e líderes na ação climática.

Além de Antônio Carlos Magalhães Neto e João Cravinho, os Embaixadores no Brasil da Áustria, Bulgária, Croácia, Eslovênia, Estônia, Finlândia, Irlanda e Luxemburgo, bem como representantes da Dinamarca, Espanha, Itália, Irlanda, Lituânia, Países Baixos, Portugal e Reino Unido estavam presentes em Salvador, na Bahia. O evento também contou com a presença de Manuel Alejandro Fuentes, Diretor do Projeto de Cooperação Internacional Urbana na América Latina (IUC-LAC) e membro do Secretariado do Pacto Global de Prefeitos na América Latina e Caribe e Antonella Cersasino, líder do Projeto de Diplomacia Publica da UE.

A cidade de Salvador da Bahia coordena o Fórum das Capitais Brasileiras (CB27) e irá convidar o resto das cidades latino-americanas para juntarem-se ao Pacto durante a Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), que acontecerá em Recife, entre os dias 27 e 28 de novembro.

Pacto Global de Prefeitos pelo Clima e Energia – É a maior coalizão de prefeitos e líderes locais do mundo comprometida com a ação climática. As autoridades regionais e subnacionais são responsáveis pela ação climática com as autoridades a nível local. O lançamento do Pacto Global de Prefeitos pelo Clima e Energia ocorreu seis meses após a Conferência de Paris, na qual as cidades desempenharam um papel crucial na defesa de um acordo internacional ambicioso e, representa uma reação histórica e poderosa dos líderes locais às urgentes mudanças climáticas.

Pacto Global de Perfeitos pelo Clima e Energia de América Latina e Caribe – é o capítulo para América Latina e Caribe que irá trabalhar para estabelecer o Pacto Global em 20 cidades da região. Para garantir a sinergia e alinhamento dos esforços, e melhor uso possível dos recursos disponíveis, fazem parte do Comitê Regional Diretivo: Delegação da União Europeia no Brasil, C40, ICLEI, ONU-HABITAT, CGLU, CAF e BID. 
Mais informações: http://pactodealcaldes-la.eu/

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑