Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Aurora da Rua celebra dez anos de apoio aos moradores de rua e lança revista

O projeto Aurora da Rua comemora seus dez anos de existência no dia 28 de novembro com uma novidade: o lançamento da revista Aurora da Rua, substituta do jornal que durante quase uma década foi o principal porta voz da população de rua da cidade de Salvador. O novo formato, além de proporcionar mais leveza e versatilidade, enriquece e amplia o alcance das demandas dos moradores de rua da cidade, que têm na publicação uma fonte de renda e um instrumento de reinserção social. A periodicidade da revista é bimestral e a tiragem será de 6 mil exemplares.



A celebração dos dez anos do projeto Aurora da Rua acontecerá no Centro de Cultura da Câmara Municipal de Salvador, na Praça Municipal, com a Exposição “10 anos inspirando novos começos”. No espaço, os frequentadores terão a oportunidade de conhecer um pouco da trajetória da publicação como agente de restauração da cidadania. A exposição também celebra a participação de todos os vendedores que, de alguma forma, descobriram com o projeto uma nova possibilidade de vida; e dos leitores que passaram a ter uma perspectiva mais humana com relação a essa população tão estigmatizada.



A revista já nasce como membro da International Network of Street Papers (INSP) – rede internacional que reúne 110 publicações de rua, de 40 países, nos seis continentes. A publicação será comercializada por R$ 2,00 pelos próprios moradores de rua devidamente capacitados como vendedores, cabendo a cada um R$1,25 deste valor. Desta forma, a revista mantém a proposta iniciada com o jornal de funcionar como instrumento de geração de renda para pessoas em situação de rua em sua trajetória de reintegração na sociedade.



Assim como no jornal, o principal personagem da revista é a população de rua, que conta sua história, mostra suas potencialidades, suas dificuldades - uma realidade nem sempre vista por todos. O material jornalístico é produzido a partir do olhar dos próprios moradores de rua. Por meio de oficinas de texto e de arte, eles participam da elaboração de cada edição: definem pautas e enquadramento de matérias, expõem opiniões, experiências e revelam seus dons artísticos e literários.O resultado é um produto diferente, que convida o leitor a entrar em contato com uma nova realidade.



História - O jornal Aurora da Rua foi criado em março de 2007. A preocupação com a imagem estereotipada do povo da rua veiculada na mídia foi uma das alavancas para o peregrino Henrique e integrantes da Comunidade da Trindade, localizada em Águas de Meninos, pensasse em elaborar um jornal que revelasse o outro lado da história: a beleza, a criatividade, o companheirismo e a perseverança que brotam das ruas. O título “Aurora da Rua” foi inspirado numa poesia de Henrique que retrata justamente o brilho natural do povo da rua e o rompimento das trevas da noite para a luz do dia.



O jornal nasceu lastreado por uma dimensão profética, que convoca o leitor a desenvolver uma nova perspectiva do olhar sobre a pessoa em situação de vulnerabilidade, operando, portanto, como um agente de transformação. A publicação ultrapassa a simples função de informar para ser transformadora de uma realidade desumana. Nesse contexto, os beneficiados pelo projeto colaboram na elaboração e construção do conteúdo do jornal através das chamadas oficinas de texto. A outra dimensão é a de inclusão social. Além de participar na produção do conteúdo, o morador de rua é também o vendedor do jornal. Os vendedores são treinados e capacitados para as vendas, não só com noções comerciais, mas sobretudo éticas



Entre os anos de 2007 e 2010 o jornal Aurora da Rua contabilizou mais de 300 assinaturas distribuídas em 26 estados brasileiros, sendo o principal sustentáculo financeiro do projeto. A revista é também vendida nos mais diversos locais: praças, ruas, faculdades, igrejas e escolas. Há ainda um ponto fixo na Estação Rodoviária de Salvador.



Serviço



Abertura da Exposição “10 anos inspirando novos começos” e Lançamento oficial da revista Aurora da Rua

Local: Centro Cultural da Câmara Municipal de Salvador (Foyer e Auditorio)

Data: De 28 de novembro,das 9h às 12h



Programação



9h – Abertura oficial

9:15h – Fala do idealizador do projeto, Henrique Peregrino

9:30h – Apresentação musical

9:50h – Intervenção artística

10:20h – Conta que eu conto

10:50h – Apresentação teatral Grupo CCIDP das Osid

11:20h – Tabuleiro da Dança



Para mais informações

Contatos:

Iris Queiroz, jornalista: 71 99348 0144



0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑