Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Polícia e Embasa descobrem “gatos” de água em estabelecimentos comerciais de Periperi

Em mais uma operação de combate a fraude no consumo de água, técnicos da Embasa, acompanhados de policiais civis, militares e do Departamento de Polícia Técnica (DPT), encontraram, nesta quarta-feira (20), quatro estabelecimentos comerciais na rua Frederico Costa, no bairro de Periperi, em Salvador, sendo abastecidos por ligações clandestinas.

Na primeira ação, foi identificada uma torneira instalada antes do hidrômetro no ramal que atende a um supermercado na rua. A equipe da Embasa verificou, ainda, que o hidrômetro estava violado. Outra ligação clandestina foi encontrada atrás de uma parede de uma loja de material de Construção. A tubulação instalada indevidamente abastecia, também, lojas de cosméticos e de roupas. Todas as irregularidades foram desfeitas pela Embasa.

Nos dois casos, a Polícia Técnica coletou provas que serão relatadas no inquérito policial. “A Embasa irá calcular o prejuízo causado pelas fraudes e os valores das multas que serão cobradas dos responsáveis”, explicou Luzivane Souza, gerente comercial da empresa.

Além dos casos suspeitos, identificados por meio das análises de consumo e do cruzamento de dados no sistema comercial, a empresa conta com o apoio da população, que pode denunciar sigilosamente as situações de fraude pelo 0800 0555 195.

Crime contra o patrimônio | O furto de água é qualificado como crime contra o patrimônio, de acordo com o artigo 155 do Código Penal Brasileiro, cujo parágrafo 3º, ao tratar de furtos, equipara “à coisa móvel a energia elétrica ou qualquer outra que tenha valor econômico”. A pena prevista na lei é reclusão de um a quatro anos e multa.


Fonte: Ascom/Embasa

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑