Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Estação da Lapa recebe ação de conscientização sobre combate ao trabalho infantil

Em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil, comemorado no último dia 12, a Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), através da Diretoria de Proteção Social Especial, realizou uma ação de conscientização sobre o combate ao trabalho infantil, nesta terça-feira (20), na Estação da Lapa. O terminal foi palco de apresentações culturais de diversos grupos, entre eles o da Fundação Cidade-Mãe, Reprotai, Adolescer com Arte e Projeto Axé. 

Diversos jovens marcaram presença no evento, que contou ainda com uma gama de serviços socioassistenciais ofertados gratuitamente. Foi possível fazer emissão de carteira de trabalho, inscrições para o Programa Jovem Aprendiz, entrega de Caderneta de Saúde do Adolescente, além de orientações sobre o programa Bolsa Família e de serviços dos Centros de Referência Especializados das Assistência Social (Creas) e Centros de Referência das Assistência Social (Cras).

Idealizador do Adolescer com Arte e agente comunitário, Lenilson Bento conta como usou de atividades culturais como meio de chamar a atenção da sociedade sobre o fim do trabalho infantil. “Usamos da dança, música e teatro para montar cenas do cotidiano daqui da Lapa, nos ônibus e nos bairros, locais onde se costuma ver adolescente vendendo amendoim, por exemplo, e em situação de vulnerabilidade”, explica.

A pedagoga do Creas Bonocô, Angelimar Santana, reforça que as iniciativas da Semps para o combate ao trabalho infantil em Salvador acontecem não só neste mês, como durante todo o ano, inclusive em períodos de festas populares. “O trabalho infantil, ao contrário do que muita gente fala e pensa, é prejudicial em todos os aspectos. Muitos acreditam que é melhor a criança trabalhar do que ficar em causa ou roubar, mas é uma situação que traz danos à saúde, ao psicológico e ao desenvolvimento físico da criança”.

A estudante Nicole Vieira, 17 anos, ficou entusiasmada com a ação. “É bom porque conscientiza as pessoas. Hoje em dia é algo muito comum vermos crianças trabalhando e não darmos conta de que isso é errado. Acaba passando despercebido”, disse.




0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑