Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Novo espaço no Pelourinho vai funcionar como residência artística

Um cortejo festivo pelas ruas do Pelourinho, na tarde desta quinta-feira (31), marcou a inauguração de um novo espaço voltado para as artes em Salvador. O imóvel Pouso das Artes vai receber artistas e grupos culturais do interior da Bahia, de outros estados e até mesmo de outros países. A inauguração é resultado de uma parceria entre o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac) e a Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), com o objetivo de dinamizar e ocupar espaços poucos utilizados no Centro Histórico.

Para a diretora da Funceb, Fernanda Tourinho, o espaço possibilita a formação de um programa de residência artística. “Artistas do interior, de outros estados e até do exterior que venham a Salvador para realizar alguma ação ligada às artes e a cultura podem solicitar hospedagem. Esse espaço vai facilitar o intercâmbio cultural e fomentar os grupos artísticos num período que exige da gente muita criatividade, seguindo uma maneira de pensar estes imóveis para que fortaleçam a arte e a cultura da Bahia".

Com dois apartamentos de dois quartos e 14 leitos, sala, cozinha e banheiros, acesso à internet, mesas e cadeiras para refeições e estudos, o Pouso das Artes já está recebendo artistas em um projeto de teste. A atriz Aída Vitória, do grupo Cordel de Feira de Santana aprovou o espaço. “É muito bem organizado, limpo e com uma vista maravilhosa, no coração do Pelourinho. Para nós, artistas de outras cidades, essa é uma iniciativa maravilhosa, nos recebendo de portas abertas para expressar nossa arte aqui”.

Para o diretor geral do Ipac, João Carlos de Oliveira, a iniciativa dá continuidade ao trabalho de ocupação feito pelo Instituto. “Queremos mudar a forma como o Centro Histórico é visto e aproveitado. Estamos movimentando toda a região com projetos que visam a dinamização de espaços pouco aproveitados. Nosso objetivo é esse, mais um prédio ocupado, com pessoas morando e fazendo entregas importantes para a sociedade. O Pouso das Artes é mais um passo que a gente dá em direção é isso”, explicou.

Cortejo

O cortejo contou com a participação de alunos e professores do Curso Preparatório da Escola de Dança da Funceb, crianças e adolescentes com idades de 5 a 17 anos, tendo também como convidados a Escola Odemaster de Mussurunga, a Band'Axé, do Projeto Axé; a Banda Quabales do Nordeste de Amaralina; a Filarmônica Filhos de Apolo, de Santo Amaro da Purificação, e as manifestações culturais Nativas de Arembepe e Boi Mirim de Parafusos, além de artistas de rua, circenses e bonecos gigantes.

Regulamento

A ocupação do espaço ocorrerá por solicitação direta de artista/grupo, que será analisada com base no regulamento que pode ser conferido no Portal da Fundação Cultural. 


Repórter: Tácio Santos/Secom

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑