Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 10 de novembro de 2022

Novembro Negro movimenta espaços Pierre Verger e Carybé das Artes

 


Fotos: Bruno Concha/Secom

Para marcar o Novembro Negro, movimento de enfrentamento ao racismo, reafirmação da identidade e melhoria nas políticas públicas, uma programação especial e gratuita será realizada nos espaços Pierre Verger da Fotografia Baiana – Forte de Santa Maria e Carybé das Artes – Forte de São Diogo, ambos na Barra. As atividades começam neste sábado (5) e têm como objetivo o fortalecimento do protagonismo da população negra em Salvador.

Para diversificar as ações, cada espaço cultural contará com uma programação exclusiva. Fazem parte das atividades do Mês da Consciência Negra a exibições de filmes, oficinas de artes, rodas de conversas, rolê fotográfico, contações de histórias, dentre outras atividades.

No Espaço Pierre Verger da Fotografia Baiana, exibições de filmes e documentários marcarão a abertura e toda a programação do mês no equipamento. No sábado (5), a partir das 16h, será exibido o filme-documentário Pierre Verger – Mensageiro Entre Dois Mundos, dirigido por Lula Buarque de Holanda. O filme também será exibido no mesmo horário e local, no dia 26 deste mês.

Para os amantes de contação de história, no domingo (6), às 14h, será contada a Lenda de Ogum, obra do livro Lendas Africanas dos Orixás, de autoria de Pierre Verger e ilustração de Carybé. A atividade será realizada pelo mediador cultural do Espaço Carybé das Artes, Rafael Roque Ferreira. Outra sessão está marcada para o dia 20, no mesmo horário.

Na quarta-feira (9), haverá a apresentação do trabalho de pesquisa sobre "Mãe Senhora e a importância da Luta do Povo Santo". A atividade tem como propósito mostrar aspectos relevantes para a preservação de raízes culturais dos povos, como identidade e memória cultural. A atividade acontece às 16h.

No dia 12, uma oficina sobre técnica fotográfica no smartphone, formas de composição e enquadramento fotográfico, seguido de saída fotográfica do entorno do Forte de Santa Maria, até o espaço Carybé de Artes, será realizada às 14h, pelo fotógrafo e professor da Escola Baiana de Fotografia, Roberto Faria.

No dia 13 deste mês, às 15h, acontecerá a atividade de arte educação, com leitura do livro “Mulheres Abayomis”, da autoria de Adilson Passos. Logo em seguida, será realizado um quiz de perguntas sobre o continente africano e produção de bonecas de tecido. A oficina será realizada pela mestra em Educação e Arte-Educadora, Carolina Lima. Já no dia 16, às 16h, um bate-papo com a fotógrafa Amanda Oliveira vai abordar histórias e costumes da cidade de Salvador, além da relação com as obras de Verger.

No dia 19, também às 16h, serão exibidos, no Forte de Santa Maria, os documentários Gato Capoeira, dirigido por Mário Cravo Neto, e Vadiação, dirigido por Alexandre Robatto Filho. Os filmes abordam as vivências nas ruas de Salvador, com capoeiristas, canções e berimbaus. 

Já no dia 23, às 16h, será realizada uma roda de conversa com profissionais das artes, cultura e educação. Na ocasião, os mesmos falarão dos seus processos criativos. Devido ao Novembro Negro, o convite de participação da atividade foi feito ao Acervo da Laje, que desenvolve trabalhos de fortalecimento da memória artística e cultural, no Subúrbio Ferroviário.

No dia 30, às 16h, o bate-papo sobre memória e tradição marca a programação. Durante a atividade, imagens de Acervos serão comentadas pelo antropólogo Alexandre San Góes.

Carybé das Artes – Nos dias 5, 11 e 12 de novembro, às 19h, acontecerá no espaço a oficina “Artista por Um Dia”. Durante a atividade, crianças de 7 a 11 anos serão orientadas a observar cores, formas, movimentos, o bidimensional e o plano, com recursos do lápis de cor. Uma obra de Carybé que trata da cultura afro-brasileira, será modelo para que as crianças mentalizem e trabalhem a interpretação. O artista plástico e arte-educador Edy Ragami realizará a oficina, com duração de 60 minutos.

Já nos dias 6, 13 e 20, às 10h30, o equipamento cultural realizará a contação de história da obra “O Gato Malhado e a Andorinha Sinhá” para crianças. A atividade trabalhará o lúdico, criatividade e a imaginação das crianças. Nos dias 6 e 20, a atividade será realizada por Fátima Duran. Já no dia 13, a contação será realizada por Ana Cleide Oliveira. 

Novembro Negro – O Novembro Negro remete à luta e resistência da população negra no enfrentamento ao racismo, reafirmação da identidade e busca de melhorias de políticas públicas.


0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2024 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑