Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Audiência pública discute fechamento da UPA de Roma

Com cerca de 180 mil habitantes, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a península de Itapagipe ficou sem atendimento de urgência e emergência na região. Isso porque a Unidade de Pronto Atendimento - UPA de Roma está fechada desde dezembro de 2016, a partir de uma decisão unilateral da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab).

“Precisa voltar. Na cidade baixa não tem atendimento de emergência, quem não tem assistência médica oudinheiro para táxi numa situação de urgência fica prejudicado”, pontua a aposentada Altair Caldas (70), moradora do Largo de Roma, que hipertensão arterial.

A situação que incomoda os moradores da península, que precisam se deslocar para outras regiões da cidade em busca de atendimento de emergência, é o tema da audiência pública que será realizada nesta quinta-feira (17), a partir das 14h, no Espaço Cultural dos Alagados, na Rua Silvino Pereira, Uruguai. Promovido pelo Conselho Municipal de Saúde de Salvador, o evento contará com representantes do Ministério Público Estadual, das secretarias Estadual e Municipal da Saúde, Conselho Estadual de Saúde e representantes da sociedade civil.    

O objetivo principal do debate é buscar solução para o preenchimento do vazio assistencial no setor de urgência e emergência na localidade causado pelo fechamento do equipamento.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑