Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Campus Party é lançada oficialmente em Salvador

O lançamento oficial da Campus Party Bahia foi realizado na noite desta terça-feira (23), no Lounge da Arena Fonte Nova, em Salvador, com a presença dos secretários de Ciência, Tecnologia e Inovação, Vivaldo Mendonça, da Saúde, Fábio Vilas-Boas, e de Promoção da Igualdade Racial, Fabya Reis, além de empresários, estudantes e jornalistas. As atrações do maior evento de inovação e tecnologia do mundo - que acontecerá pela primeira vez na capital baiana, entre 9 e 13 de agosto - foram apresentadas pelo presidente da Campus Party, Francesco Ferrugia, e pelo diretor-geral do evento, Tonico Novaes.  

Segundo Vivaldo Mendonça, o evento colocará a Bahia no cenário mundial de inovação. “É uma grande oportunidade. Vamos ter eventos pré-campus e pós-campus, inclusive no interior. Será um evento que vai se integrar ao calendário permanente da Bahia. Nunca se vendeu tão rápido as entradas das 3,5 mil vagas que foram colocadas à disposição do público como aqui”, afirma o secretário. 

Para Francesco Farrugia, que mora há 14 anos em Salvador, promover a Campus Party é como criar uma cidade para três ou quatro mil pessoas, com alimentação, segurança, limpeza, centenas de horas de palestras, workshops e outras atividades. “Eu falei [sobre o evento] com o secretário Vivaldo Mendonça, que me apresentou ao governador Rui Costa. O governador me surpreendeu, porque ele sabia tudo sobre a Campus Party e tem as ideias muito claras. Ele falou que era o momento de fazer o evento e o apoio do Estado é fundamental”. 

Entre as atrações da Campus, de acordo com Tonico Novaes, estarão oficinas voltadas para drones, olimpíadas brasileiras de robóticas e hackathons (maratona de hackers), além de fórum de universidades empreendedoras. “Os campuseiros ficam acampados, imersos nas atividades 24 horas por dia. São jovens na sua maioria de 18 a 30 anos, que apenas buscam o conhecimento. A possibilidade de troca de conhecimento é muito grande. Eles ficam nas bancadas e expõem seus trabalhos”, destaca.

Incentivo 

Um dos possíveis participantes é Rodrigo Lira, 21 anos, estudante de engenharia de produção no Senai/Cimatec. Ele comenta que "sempre via a grandiosidade desse evento em São Paulo, em outros estados, e tenho certeza de que Salvador vai representar bem. Eu espero ter contato com as tecnologias que estão em destaque no mundo e poder utilizar isso na minha carreira, além de levar esse aprendizado para toda a faculdade”.

Para Ruben Delgado, presidente da Softex, organização social vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, o Brasil ainda é mais consumidor do que produtor de tecnologia. “Eventos como a Campus Party são capazes de incentivar os jovens e indicar os melhores caminhos a seguir. Esses jovens vão ser os futuros empreendedores". 

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑