Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Black Friday: confira dicas para fazer bons negócios

Marcada para 24 de novembro, data é oportunidade para empreendedores gerarem vendas e fidelizarem clientes

A um mês da Black Friday, data dedicada aos descontos nos Estados Unidos e importada pelo comércio brasileiro, os pequenos negócios ainda têm tempo para se movimentar e aproveitar a oportunidade para vender mais. Neste ano, a sexta-feira de promoções acontece em 24 de novembro.

Para ajudar os empreendedores que estão se preparando para a data, o técnico do Sebrae Bahia Diógenes Silva dá uma série de dicas sobre o que fazer e também do que não fazer para ter um bom desempenho. “Não faça um desconto falso. Dê descontos em produtos que você realmente possa oferecer”, aconselha Diógenes, destacando a importância da ética e da fidelização do cliente. “Escolha produtos que estão com um giro mais difícil para oferecer promoções reais, que atraiam o consumidor”, exemplifica.

Para quem já realizou alguma ação em anos anteriores na Black Friday, ele lembra que é importante analisar o histórico, avaliando os produtos mais ou menos procurados pelos clientes. E, se o empreendedor atua pela internet, é fundamental preparar a infraestrutura disponível. “Se é e-commerce, deve conferir se a plataforma está preparada para mais acessos, para no dia não cair ou não finalizar a compra”, ressalta.

Confira mais dicas do Sebrae Bahia para fazer boas vendas e fidelizar os clientes na Black Friday:

Atenção à política de troca

Em compras pela internet, o consumidor tem o prazo legal de até sete dias para a troca ou devolução da mercadoria. “É preciso estar preparado para essa logística reversa”, lembra Diógenes. No caso de lojas físicas, é importante deixar claro para o cliente a política de troca da loja, que fica a cargo de cada empreendimento, já que não é obrigatória.

De olho nas redes sociais

Para evitar problemas com os clientes e manter o melhor relacionamento possível, o técnico do Sebrae Bahia lembra que quem está presente nas redes sociais, principalmente as lojas que atuam pelo e-commerce, devem monitorar o que os clientes estão postando. “É difícil para o pequeno negócio monitorar tudo 24 horas, mas é preciso dar respostas ágeis e com a linguagem adequada”, destaca, dando como exemplo sites que podem ser acessados por clientes a qualquer hora do dia.

Use a criatividade para os descontos

Diógenes lembra ainda que é possível realizar diversos tipos de promoção. “Um empreendedor do segmento de beleza, por exemplo, pode montar kits de produtos com desconto. Uma loja de roupas pode oferecer um bom desconto em toda a sua coleção de inverno. Também há a opção de ‘leve dois pelo preço de um’”, enumera o técnico, apontando a oportunidade de usar a data para promover um bom negócio para o cliente e também para o empresário, oxigenando o estoque.

 Danielle Cristine/Agência Sebrae de Notícias Bahia

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑