F F | SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.

<;h2>

<;h2>
REDAÇÃO: (71) 99172-9696
Seja bem-vindo. Hoje é

Denúncia

Cidade

Brasil

Mundo

Municípios

Segurança

Esporte

Política

Economia

Turismo

Saúde

Gastronomia

Utilidade Pública

Cultura

Se você é fã de "Irmãos à Obra", precisa assistir a essas 7 séries na Netflix

quarta-feira, 19 de junho de 2019

Porto Salvador já tem data para chegada do primeiro navio da Temporada de Cruzeiros 2019/2020

 O ‘Mystic Explorer’ atraca dia 17/10 no Terminal de Passageiros do Porto Salvador


A previsão é de que o número de turistas seja 10% maior que a temporada 2018/2019. A capital baiana deverá receber, aproximadamente, 165 mil turistas, distribuídos em 54 escalas de navios de turismo que atracarão no Terminal de Passageiros do Porto Salvador.

Entre as embarcações previstas podemos citar o ‘MSC Seaview’, um dos maiores navios de cruzeiros do mundo, com capacidade para acomodar até 5.500 passageiros e 1.600 tripulantes.

Os passageiros que desembarcarem no terminal de Passageiros do Porto Salvador, terão acesso a uma gama de serviços de receptivo, com lojas de souvenires e cafeteria, serviços de auxílio ao turista com atendentes bilíngues, de transporte, turismo e wi-fi gratuito. Além de contar com o sistema de segurança 24 horas por dia, através do monitoramento de câmeras e de equipamentos de alta tecnologia em scanner para bagagens e pessoas, considerados os mais modernos da América Latina, capazes de identificar produtos ilícitos orgânicos e inorgânicos, em alta definição.



Leia Mais >>

Pelourinho tem decoração junina com o tema Respeita as Mina

Cruzeiro de São Francisco, Terreiro de Jesus e largos do bairro foram decorados com inspiração na diversidade feminina do Nordeste


O tema do São João da Bahia este ano é Respeita as Mina. Por isso a figura forte da mulher nordestina está presente em toda a decoração do Pelourinho. O clima junino já se instalou no Cruzeiro de São Francisco, Terreiro de Jesus, nos largos do Pelourinho, Tereza Batista, Quincas Berro d´Água e Pedro Arcanjo, onde permanece até o final do mês. Todas as ruas são cuidadosamente decoradas, criando assim o cenário ideal para a festa. O São João da Bahia é realizado pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa).

Este ano, uma das mais importantes festas nordestinas pede que o respeito às mulheres também vire tradição. A decoração foi espalhada pelos 780 mil m2 do Pelourinho, com mais de 35 mil metros de bandeirolas distribuídas entre ruas e largos, um balão de sete metros, 20 de quatro e 40 de três, além de 40 luminárias de três metros e 200 metros de gambiarras de luminárias.

O projeto artístico concebido pela artista Telma Calheira é inspirado na diversidade feminina do Nordeste, inserida no contexto da maior festa popular da região: o São João. “Resgatamos elementos da nossa cultura, como dança da fita, a arte dos fuxicos, a beleza das rendas, a poesia dos balões, o colorido das bandeirolas e as vestimentas tradicionais”, diz a artista. “Toda decoração foi planejada no sentido de não provocar danos ao patrimônio público”, completa.

No Cruzeiro de São Francisco, um portal de entrada de 6m x 7m dá boas vindas aos turistas e baianos que forem curtir a festa. Cinco bonecas de 3,5m, sendo uma cangaceira, uma noiva caipira, uma retirante, uma forrozeira caipira e uma forrozeira vaqueira valorizam a luta das mulheres do Nordeste. Arcos de fuxico formam um túnel ligado a gambiarras coloridas. O espaço conta ainda com bustos femininos em resina de 1,60m x 1,10m. No Largo do Cruzeiro de São Francisco fica a tradicional “casa de reboco” com elementos característicos de um “arraiá” tradicional.

O Terreiro de Jesus terá dois portais de entrada de 6m x 5m, cinco bustos femininos, bandeirolas plásticas coloridas, um poste com dez metros de altura no centro da praça, 12 postes de oito metros e balões coloridos. Nas ruas 20 luminárias forradas em tecido de chitão, acabamentos com fitas e flores de fuxico.

O local onde nomes como Elba Ramalho, Geraldo Azevedo e Alceu Valença se apresentará, o Largo do Pelourinho, terá dois portais de entrada, assim como no Terreiro de Jesus, de 6 x 5 metros, um balão central de 5m x 3m, quatro gambiarras de luminárias cilíndricas, forradas em tecido de chitão, acabamentos com fitas e flores de fuxico e balões. “Teremos um arraiá de bandeirolas plásticas coloridas”, disse a artista.

Ao mesmo tempo em que homenageia as tradições do Nordeste, o tema da festa junina de 2019 conclama a todos para que respeitem as mulheres em seus direitos. A assinatura recebe a marca Respeita as Mina, uma ação do governo de enfrentamento à violência contra a mulher. A campanha também conta com peças para a divulgação de shows no Pelourinho e Paripe e pode ser vista também em comercial de televisão, jingle e peças das redes sociais.

No dia 21 o palco do Largo do Pelourinho contará com show da Orquestra Popular da Bahia, Jeanne Lima, Elba Ramalho, Mariene de Castro e Márcia Short. No dia 22, Carlos Pita, Enok Virgulino, Alceu Valença, Flor Serena e Rosy e Banda. Domingo, 23, tem Fulô de Mandacaru, Estakazero, Zelito Bezerra, Geraldo Azevedo e Genard. Do dia 20 a 24 tem programação nos largos Tereza Batista, Quincas Berro d´Água e Pedro Arcanjo.

Em Paripe, no dia 22, tocam Parangolé (no esquente para o jogo do Brasil x Peru), Anna Catarina e Swing do Luh. No dia 23, apresentam-se Dinho Santos, Solange Almeida, Simone e Simaria e Forró Didaindoido.



Leia Mais >>

Prazo para ALBA aprovar texto que prevê diretrizes orçamentárias começa a partir desta terça-feira

 O prazo para a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) aprovar as metas orçamentárias para o exercício de 2020 começa nesta terça-feira (18.06) e se encerra no dia 30 de junho. Dentre as propostas enviadas para análise está a pauta que prevê a ampliação de recursos para convocação de novos Defensores Públicos e a interiorização das comarcas da Defensoria Pública, de forma a levar a instituição para o interior do estado. Se aprovada a proposta, a Bahia tende a subir no ranking nacional de defensores em atuação, já que, atualmente, o estado está em 20º lugar nesse quesito, de acordo com levantamento do IPEA.


Para integrantes do Movimento Mais Defensores da Bahia, composto por advogados aprovados em concurso público de 2017 e que ainda aguardam nomeação, a população do interior está em déficit no que se refere à assistência jurídica. “É necessária a urgente expansão da cobertura da Defensoria Pública, no Estado, que hoje está presente em apenas 15% das cidades baianas”, afirma Tiago Brito Carvalho, aprovado no VII Concurso para Defensor Público do Estado da Bahia.
O aumento dos recursos para o órgão atenderia à Lei Complementar 46/2018, sancionada pelo governador Rui Costa e aprovada com louvor, também pela ALBA, na qual a interiorização é determinada como ato prioritário e como meta a ser cumprida até 2022.


Economia para os cofres públicos


No projeto da LDO, os parlamentares podem, como alternativa, incluir emendas ao referido projeto. “A ALBA pode estabelecer como prioridade orçamentária, por exemplo, um quantitativo de comarcas a serem atendidas no ano de 2020, a fim de chegar o mais próximo possível da meta estabelecida para 2022”, explica.
A previsão permitiria o aumento na Lei Orçamentária Anual (LOA) da Defensoria Pública, que diferentemente das outras instituições, está em expansão.  A ampliação de recursos, longe de onerar os cofres públicos, é uma medida que acarretará em economia ao Estado. Isso porque, dados apresentados em 2018, demonstram que o Defensor Público custa bem menos que um Advogado Dativo – que são pagos por atos processuais, superando, muitas vezes, a remuneração que um defensor público ganha para o mês inteiro de serviço prestado à população.


Além disso, dados oficiais atestam desigualdade orçamentária no Sistema Judiciário. A Lei Orçamentária Anual de 2019 (Lei Estadual n° 14.036) prevê um orçamento para o Ministério Público (R$ 581.205.000,00) de quase o triplo dos recursos destinados à Defensoria Pública (R$ 212.148.000,00). Dentro do orçamento do Estado destinado aos órgãos públicos, que totalizam R$ 46,4 bilhões, a Defensoria possui participação de apenas 0,45% - sendo a Bahia, a terceira unidade da federação do país que destina o menor percentual da receita corrente líquida à instituição.


Número de defensores


Ainda segundo o IPEA, o número total de defensores públicos, de acordo com a proporção determinada pela Constituição Federal, em 2013, deveria ser de 1.239 defensores, mas atualmente o Estado só conta com 364; em contraposição a outras instituições, como o Poder Judiciário, que conta com 599 juízes; e o Ministério Público, com 571 promotores, ambos com concurso em andamento para aumento do quadro ainda este ano.


“A falta de assistência jurídica é um problema social dos mais graves em todos os aspectos que se observa. Vivemos uma situação histórica no nosso país, em que todos os serviços voltados para a população em situação de pobreza são considerados adiáveis. É um raciocínio circular e cruel que diz que se as pessoas sempre viveram sem isso, elas podem esperar um pouco mais para ter acesso”, afirma o Defensor Público Geral (DPG), Rafson Ximenes, que a convite da Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública, apresentou Plano de Expansão da Defensoria Pública, na Casa Legislativa.


Atribuição da Defensoria


A Defensoria Pública do Estado da Bahia é instituição essencial de acesso à Justiça e de redução de desigualdades sociais, pela garantia de direitos de toda população baiana. Dentre os segmentos sociais atendidos, destacam-se: necessitados econômicos, grupos vulneráveis, idosos, crianças, adolescentes, pessoas com deficiência, mulheres em situação de violência, comunidades rurais, pessoas em situação de rua, minorias, e demais grupos, como forma de inclusão social, cidadania e dignidade de todos.

É atribuição do órgão, por exemplo, tratar sobre investigação de paternidade (com exame de DNA incluso); regularização dos processos de adoção, pensão alimentícia, divórcios, ações de medicamentos e de atendimento médico; Direitos do Consumidor (como negativação indevida e superendividamento); Direito à Moradia com Regularização Fundiária; além da garantia de direitos das crianças, como vaga em creche, e de adolescentes, como direito ao estudo; defesa e assistência em processos administrativos e judiciais; entre os mais variados direitos de todos ao seu alcance, de maneira integral e gratuita.
Leia Mais >>

CLN espera mais de 165 mil veículos na BA-099 no período de 19 a 25 de junho


A Concessionária Litoral Norte (CLN), uma empresa do grupo Invepar, montou uma operação especial para os mais de 165 mil veículos que deverão passar pela BA-099 no período entre os feriados de Corpus Christi (20) e São João (24). O esquema de trânsito começa nesta quarta-feira (19) e segue até a terça-feira (25), com reforço na equipe do pedágio para aumentar a agilidade do atendimento e a fluidez do tráfego no local.

Ao todo, as empresas do grupo Invepar, localizadas na Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais, receberão cerca de 6,1 milhões de pessoas durante o feriadão. Na CLN, os dias com previsão de maior fluxo no sentido Linha Verde serão na quarta, entre 9h e 16h, e na quinta, das 9h às 13h, quando são esperados mais de 13 mil veículos nessa faixa horária. A sexta-feira também será movimentada, entre 8h e 13h, com mais de 12 mil veículos.

Já em direção a Salvador, os dias de maior fluxo serão domingo, com 18 mil veículos, com aumento de movimento entre 15h e 19h. Na segunda, o horário de pico será das 10h às 12h, com um total de 20 mil automóveis durante o dia. Quem pegar a estrada na terça-feira encontrará um tráfego com mais de 10 mil veículos. O horário de maior movimento será das 9h às 11h.

“Para os dias de maior movimento, será feito um reforço, com colaboradores extras e papa-filas, que atuarão na garantia da agilidade. Os veículos de suporte da concessionária, como guinchos e atendimento de emergência, também estarão de prontidão oferecendo mais segurança viária aos motoristas”, explica o gerente de operações da CLN, Daniel Ovalhe.



Orientações

A CLN recomenda que os motoristas façam a manutenção preventiva de seus automóveis, conferindo o estado de pneus (inclusive o reserva), cinto de segurança, faróis, luzes de freio e pisca-alerta. É recomendável também que sejam verificados os níveis de água e óleo, amortecedores, triângulo, macaco e chave de roda em condições de uso. A empresa sugere ainda que os usuários tenham dinheiro trocado para agilizar o atendimento na praça de pedágio.

Na rodovia, pode-se ligar gratuitamente para o serviço de atendimento ao cliente (0800-071-3233) ao longo da Estrada do Coco (entre a Ponte do Rio Joanes e a Praia do Forte).

As condições de tráfego e climáticas na BA-099 também podem ser acompanhadas em tempo real pelo Twitter (@LitoralNorte). Valores das tarifas de pedágio e outras informações podem ser encontrados no site da concessionária: www.clnorte.com.br.
Leia Mais >>

Formação para cuidadores de idosos qualifica mais de mil profissionais

Inscrições abertas em Salvador para curso gratuito profissionalizante de cuidadores de idosos; as aulas começam em 13 de julho


Central Nacional Unimed e Senac iniciam inscrições para curso gratuito profissionalizante de cuidadores de idosos; as aulas começam em 13 de julho.

Recentemente, o Senado aprovou um projeto de lei que regulamenta a profissão de cuidador de idosos, estabelecendo as responsabilidades e limitações da atividade tanto para o profissional, quanto para o assistido. A decisão vai ao encontro de uma nova realidade no país: o rápido envelhecimento da população brasileira. De acordo com o IBGE, o número de idosos chegará a 38,5 milhões (17,4% do total de habitantes) em 10 anos.

Atenta a esse cenário e tendo a promoção da saúde na terceira idade como um dos principais pilares de seu negócio, há cinco anos a Central Nacional Unimed oferece cursos profissionalizantes gratuitos para a formação de cuidadores nas cidades de São Paulo e Salvador, e no Distrito Federal. Este ano, a cooperativa firmou uma parceria com o Senac, para ampliar a estrutura física do curso e levá-lo para mais localidades. Em Salvador, as inscrições estão abertas e as aulas terão início dia 13 de julho.

“A parceria com o Senac visa aprimorar a qualidade do serviço oferecido, assim como aumentar o número de turmas disponíveis. Estamos muito contentes de poder levar um curso de capacitação aprovado pelo mercado e gratuito para a sociedade”, afirma Kátia Okumura, gerente de Comunicação, Eventos e Sustentabilidade da Nacional Unimed.

Apenas em 2019, desde que as novas turmas foram abertas, em março, cerca de 150 profissionais já concluíram o curso em cidades como São Paulo, Salvador, São Luís, Santo Antônio de Jesus, Curitiba e Fortaleza.

A carga horária do curso conta com três encontros presencias de 20 horas aula e 60 horas de ensino à distância (EAD), totalizando 80 horas aula. O curso tem duração de oito semanas e oferece 40 vagas por turma. A formação está disponível nas cidades de São Paulo, Salvador, Brasília, São Luís, Ilhéus, Itabuna, Feira de Santana, Santo Antônio de Jesus, Curvelo, Porto Alegre, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, Fortaleza, Curitiba, Goiânia e Manaus.

O interessado deve possuir o ensino fundamental completo para se matricular. O curso tem como público-alvo pessoas que já atuam na área, mas não possuem a qualificação necessária. As aulas abordam tanto conteúdo técnico quanto vivências de interação social com o idoso e seus familiares.

O curso de cuidadores da Central Nacional Unimed já formou mais de mil alunos, sendo que cerca de 70% já concluíram a formação com um emprego na área. A iniciativa faz parte do programa Unimed Ativa, cujo objetivo é garantir o bem-estar e a qualidade de vida para pessoas acima dos 60 anos.

As inscrições para a formação podem ser feitas pelo link https://www.centralnacionalunimed.com.br/unimedativa. Confira o calendário completo e as cidades que receberão as próximas turmas abaixo.

 
Calendário 2019 Curso de Cuidadores de Idosos
LOCALIDADE
INÍCIO DAS AULAS
INÍCIO DAS INSCRIÇÕES
São Paulo
06/07/2019
07/06/2019
03/08/2019
05/07/2019
21/09/2019
23/08/2019
05/10/2019
06/09/2019
 
Salvador 
13/07/2019
14/06/2019
28/09/2019
30/08/2019
 
 Brasília
10/08/2019
12/07/2019
 
 São Luís
19/10/2019
20/09/2019
 
Manaus 
17/08/2019
19/07/2019
 
Ilhéus e Itabuna (BA)
10/08/2019
01/07/2019
  
Feira de Santana (BA)
14/09/2019
16/08/2019
 
 Vitória
17/08/2019
19/07/2019
21/09/2019
23/08/2019
19/10/2019
20/09/2019
 
Belo Horizonte 
13/07/2019
14/06/2019
24/08/2019
26/07/2019
28/09/2019
30/08/2019
 
Porto Alegre 
06/07/2019
07/06/2019
03/08/2019
05/07/2019
05/10/2019
06/09/2019
 
 Curitiba
29/06/2019
31/05/2019
19/10/2019
20/09/2019
Fortaleza
15/06/2019
17/05/2019
26/10/2019
27/09/2019
  
Rio de Janeiro 
13/07/2019
14/06/2019
26/10/2019
27/09/2019
 
 Goiânia 
29/06/2019
17/05/2019
26/10/2019
27/09/2019
 Curvelo (MG)
15/06/2019
03/05/2019
29/06/2019
07/06/2019
24/08/2019
26/07/2019
 
 Cascavel - PR
 
20/07/2019
14/06/2019
14/09/2019
01/08/2019
 
Leia Mais >>

Fevest é Show – Feira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-prima


De 10 a 14 de julho, a FEVEST -Feira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-prima- chega à 29ª edição e, claro, não poderia ser menos do que um grande show. A Feira traz para esta edição uma nova experiência de negócios, aliada ao entretenimento. Durante todo o período do evento acontecerão desfiles, palestras, performances musicais, ações tecnológicas e muito mais.

 


A Fevest é uma feira voltada para compradores de todo o Brasil e do exterior que destaca, anualmente, as principais tendências da moda nos segmentos de confecção íntima, praia, fitness e matéria-prima. Além de lançar tendências, Nova Friburgo é reconhecida como a Capital Brasileira da Moda Íntima por ser o maior polo fabricante de lingerie do Brasil e a Fevest, o principal evento de negócios do setor.

 Edição de 2019 inova com rodada de negócios, outlet, desfile, palestras, arte e entretenimento

Desfiles confecções_Fevest_2018_Crédito fotos Carlos.Mafort-45

De 10 a 14 de julho, a FEVEST -Feira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-prima- chega à 29ª edição e, claro, não poderia ser menos do que um grande show. A Feira traz para esta edição uma nova experiência de negócios, aliada ao entretenimento. Durante todo o período do evento acontecerão desfiles, palestras, performances musicais, ações tecnológicas e muito mais. Nos dias, 10, 11 e 12 (quarta a sexta-feira), para receber compradores do setor e, nos dias 13 e 14 (sábado e domingo) estará aberta ao público no formato varejo. O evento acontece sempre das 13h às 20h, no Country Clube, em Nova Friburgo, na Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro. A praça de alimentação funcionará até às 00h.

Realizada pelo Sindvest -Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo e Região-, busca empoderar o polo de moda íntima, além de valorizar cada vez mais os profissionais que compõem a cadeia produtiva do setor, transformando peças em verdadeiras pedras preciosas, tanto que a arena de desfile terá o formato de um diamante, onde passarão as joias fabricadas no polo.

Para abordar o tema Soluções e Desenvolvimento, o Sindvest convidou instituições friburguenses e as Startup Inova e Startup Rio para compor essa nova área da feira, com foco em soluções tecnológicas. O espaço FEVEST Talk contará com a participação de profissionais ativos no mercado, visando debater soluções do setor, com inovação e ideias revolucionárias. Serão oferecidas palestras, talk shows e ações voltadas para Moda, Marketing Digital, Tecnologia, entre outros, tendo como convidados profissionais com diferentes visões e projetos para o futuro de uma moda ética e sustentável.

Novos Talentos e a Geração Prateada

Novos Talentos é uma iniciativa idealizada pelo presidente do Sindvest, Marcelo Porto, após visitar escolas em missões internacionais junto com representantes da Firjan. No Japão, ele viu que o grande protagonista das escolas é o aluno e, focando em um trabalho de excelência, poderia transbordar e conquistar novos públicos.

Foi assim que a ideia do conceito chegou na Firjan SENAI Espaço da Moda, propondo que a escola seja envelopada pelo projeto dos alunos e da escola. O resultado final com os nomes dos talentos que estão se formando naquele ano em questão é sempre divulgado para todos, seja a comunidade, indústria e sociedade. O desafio passou a ser trabalhar com novo tema a cada ano, e fazer a escola refletir, o aluno pensar em novos caminhos e em conjunto desenvolver soluções.

Este ano, o projeto Novos Talentos falará da "Geração Prateada", mulheres empoderadas acima de 60 anos, saudáveis, lindas, completamente plenas e que não encontram produtos que as atenda com perfeição as demandas, seja em estilo, em conforto ou tecnologia. Estão sendo planejados projetos conectados com a saúde, o conforto e o bem-estar, com respeito e acima de tudo, estilo, para a mulher madura que sabe muito bem sobre si, não segue qualquer tendência e sabe o que lhe cai bem e o que é de bom gosto.


Leia Mais >>

Funceb divulga a lista das propostas habilitadas para a 7ª edição do Prêmio Pierre Verger

 Foram habilitadas 287 propostas nas três categorias do Prêmio. Resultado final deve sair em julho

O Prêmio Nacional de Fotografia Pierre Verger, realizado pela Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) através da Coordenação de Artes Visuais, divulga nesta terça-feira (18) a lista das 287 propostas habilitadas para o certame. 

A relação final dos selecionados para esta 7ª edição do Prêmio será divulgada no dia 8 de julho próximo, no site www.fundacaoculturalcultural.ba.gov.br

Os selecionados serão premiados com R$ 30 mil em três modalidades: Ancestralidade e Representação, Fotografia Documental e Inovação e Experimentação.

Também serão selecionados mais quatro fotógrafos de cada categoria para compor o Catálogo do Prêmio e participar de Exposição Coletiva em Salvador. 

Habilitação

Uma Comissão de Habilitação, formada por Aline Santos Lepingard, Veriangela Bulhosa de Santos, Janahina dos Santos Cavalcante, Lúcia Eugênia Pinheiro Andrade e Ednaldo Gonçalves de Almeida Júnior (presidente da comissão), analisou o procedimento e a documentação constante no edital.

Dos 484 projetos inscritos, 287 foram habilitados por cumprir o item 3.2 alíneas (a) e (b) do edital, que se referem ao cadastro online e ao envio de envelope lacrado com os documentos constantes no edital.

Foram desabilitados 149 projetos, e restaram 48 projetos que não foram avaliados, pois até o dia 13 de junho não chegaram à sede da Fundação Cultural do Estado da Bahia. Caso cheguem em tempo hábil, poderão ser avaliadas e posteriormente publicadas no DOE como lista complementar.

Confira a lista dos habilitados por categoria no site www.fundacaocultural.ba.gov.br

 Fotos: Pierre Verger
Leia Mais >>

19 de junho Dia Mundial de Conscientização sobre a Doença Falciforme

 Pesquisa realizada em parceria entre Apae Salvador, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública e Secretaria de Saúde do Estado mostra letalidade da doença na Bahia, após a inclusão no teste do pezinho. Estado detêm a maior frequência da DF no Brasil.

 Doença-Falciforme.jpg

Amanhã, dia 19 de junho, se comemora o Dia Mundial de Conscientização sobre a Doença Falciforme. Tendo em vista que a Bahia detém a maior frequência da DF no Brasil, a Apae Salvador, a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública e a Secretaria de Saúde do Estado realizaram um estudo que descreve a redução da letalidade (mortes provocadas devido a complicações da doença) em crianças/adolescentes com DF triadas pelo Serviço de  Referência de Triagem Neonatal (SRTN) do Estado da Bahia, no período de 2002 a 2015.

A doença falciforme (DF) é um distúrbio genético que inclui a presença da hemoglobina S (HbS) em homozigose (anemia falciforme, forma mais grave) ou associada a outra hemoglobina anômala, como a hemoglobina C (Doença SC). Desde 2001, o Serviço de Referência em Triagem Neonatal da Bahia (SRTN-BA), da Apae Salvador, vem realizando o teste do pezinho para a Doença Falciforme e outras hemoglobinopatias, cujo principal objetivo é promover o diagnóstico precoce da doença, instituindo medidas preventivas e educativas no manejo da patologia.

A pesquisa

Todas as crianças/adolescentes triadas no SRTN-BA no período de 2002 a 2015 com diagnóstico de DF foram investigadas quanto à ocorrência de registro de óbito no Sistema de Informações de Mortalidade (SIM), disponibilizado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB). No período avaliado, foram triados 3193 recém nascidos com DF, sendo 1.475 com hemoglobinopatia SC e 1.744 com anemia falciforme (SS). A taxa de letalidade (frequência de mortes atribuídas a doença) geral no período foi de 2,8%. Foram registrados 88 óbitos, dos quais 16 entre os que apresentavam hemoglobinopatia SC e 72 entre aqueles com anemia SS. Ou seja, as crianças com a forma mais grave da doença, a anemia falciforme, apresentaram quase quatro vezes mais letalidade. A cada ano, em média, ocorreram 6 óbitos, com uma tendência à redução da letalidade no período, em média de 10% ao ano (gráfico 1). Insuficiência respiratória, parada cardiorrespiratória e causas associada a infecções foram as causas mais descritas de óbito, respectivamente com 31,8%, 31,8% e 14,8% das ocorrências.

Leia Mais >>

Postos de combustíveis podem ficar sem diesel S10

Revendedores de combustíveis da Bahia afirmam que estão sem receber diesel S10 desde ontem (17/06). Diante disso, o Sindicombustíveis Bahia informa que pode faltar o combustível nas bombas em postos de todo o Estado.

"A situação é preocupante, pois o produto move o transporte de carga e os caminhoneiros podem sofrer grandes transtornos", comenta Walter Tannus, presidente do sindicato dos revendedores de combustíveis.

Tannus diz que as distribuidoras não estão comercializando o produto para os postos e alerta que a população e, principalmente, os motoristas precisam estar cientes da situação.
Leia Mais >>

"Professor é base, é referência", diz psicopedagoga

Psicopedagoga Ivone Novaes
Estudante se sentia sem capacidade para aprender a disciplina após bullying de professor


O bullying é atribuído como atitude de violência física e psicológica. Não é novidade ouvir falar de colegas de classe que o praticam com outros colegas. No entanto, a história pode inverter. O professor pode ser o agressor e o aluno tornar-se a vítima.

A psicopedagoga Ivone Novaes explica que é natural ver na figura do professor uma referência, e como ele ocupa referência de autoridade e inteligência a sua fala também acaba sendo um discurso de base ao qual tomamos como verdade. "Quando um professor desqualifica um aluno, essa fala tem um peso maior, e dessa forma causa danos emocionais acarretando em possíveis bloqueios e traumas que muitas vezes irão perpetuar por toda a sua vida escolar", alerta.

Estudante Carolina Vidal

Alunos que são intimidados pelos docentes podem ir mal nas provas, inclusive acreditar que não são capazes de realizar determinadas atividades. A estudante de Direito, Carolina Vidal, conta que quando cursava a 5ª série ao fazer uma pergunta referente a atividade que estava sendo realizada, foi chamada de "burra" por um professor na frente dos alunos. "Me senti sem capacidade para aprender a matéria que até hoje tenho dificuldade. Mas tive uma professora que percebeu que havia bloqueio na minha aprendizagem e me ajudou. Ela me orientava em tudo, pois eu tinha medo de errar", revela.

Segundo a psicopedagoga as consequências podem ser desde um bloqueio na disciplina específica deste professor, ou no aprendizado de forma geral. "O professor nesse espaço é referência do "saber" e quando ele estigmatiza o aluno, inconsciente ou consciente, este toma as palavras como verdade absoluta", declara.

Carolina Vidal ressalta que conseguiu superar o constrangimento depois de saber que poderia ser uma boa aluna. "Estou na escola para aprender e se eu errar, posso voltar e tentar novamente", afirma.

Apesar do bullying ser comum no ambiente escolar, ele pode suceder em outros lugares, como por exemplo: em casa, entre amigos e até mesmo no local de trabalho.

Para Ivone Novaes, o professor é a "peça" fundamental no processo ensino/aprendizagem e é através dele que a interação humana acontece para que assim se tenha o estímulo neural. "Professor é base, é referência. Vejo como alicerce dessa casa que se chama sociedade, o papel central dele é de forma crítica, desfazer e desconstruir os estigmas e as mazelas sociais, caso contrário ele não condiz com a referência Educador", finaliza.

Fotos: Arquivo pessoal
Texto: Nádia Rocha/Jornalista

Revisão e Supervisão Denise Morais e H.Coelho/Jornalista
Leia Mais >>
 

Solenidades

Cinema: Vingadores: Ultimato

Turismo

Festas Populares

Teatro

Acontece Aqui

Gastronomia

Show

Show
Djavan
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑