Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Casos de Zika são confirmados por autoridades do Canadá e Peru


Desde que foi detectada no Brasil, no último ano, o Zika Vírus tem se espalhado rapidamente pelas Américas. Novos casos foram confirmados no Canadá e no Peru, de acordo com informações de autoridades locais. No Peru, as autoridades registraram que o primeiro caso de zika não autóctone no país foi identificado em um paciente que chegou de viagem da Venezuela e da Colômbia.

Já no Canadá, o governo confirmou quatro casos da doença, todos importados. O chefe do departamento de saúde pública canadense, Greogry Taylor, informou que todos os infectados estiveram em países com o registro da doença recentemente. Dois são da província da Columbia Britânica, um de Alberta e outro de Quebec. Dois deles já estariam curados. No Equador, já são 22 casos de zika confirmados e 67 suspeitos até o momento. Outros países do continente também já confirmaram a doença, como Nicarágua e Costa Rica. Nos Estados Unidos, onde também já foram registrados casos da doença, mas nenhum transmitido dentro do país, as autoridades afirmaram que estão se preparando para combater o avanço do vírus.

A Organização Mundial da Saúde disse nos últimos dias que o Canadá e o Chile são os únicos países das Américas onde é improvável que o vírus se propague, devido ao clima frio desses lugares. Em outros países do continente americano as preocupações com a síndrome de Guillan-Barré (doença rara que pode estar relacionada ao zika) vêm aumentando.


Desde que foi detectada no Brasil, no último ano, o Zika Vírus tem se espalhado rapidamente pelas Américas. Novos casos foram confirmados no Canadá e no Peru, de acordo com informações de autoridades locais. No Peru, as autoridades registraram que o primeiro caso de zika não autóctone no país foi identificado em um paciente que chegou de viagem da Venezuela e da Colômbia.

Já no Canadá, o governo confirmou quatro casos da doença, todos importados. O chefe do departamento de saúde pública canadense, Greogry Taylor, informou que todos os infectados estiveram em países com o registro da doença recentemente. Dois são da província da Columbia Britânica, um de Alberta e outro de Quebec. Dois deles já estariam curados. No Equador, já são 22 casos de zika confirmados e 67 suspeitos até o momento. Outros países do continente também já confirmaram a doença, como Nicarágua e Costa Rica. Nos Estados Unidos, onde também já foram registrados casos da doença, mas nenhum transmitido dentro do país, as autoridades afirmaram que estão se preparando para combater o avanço do vírus.

A Organização Mundial da Saúde disse nos últimos dias que o Canadá e o Chile são os únicos países das Américas onde é improvável que o vírus se propague, devido ao clima frio desses lugares. Em outros países do continente americano as preocupações com a síndrome de Guillan-Barré (doença rara que pode estar relacionada ao zika) vêm aumentando.

0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2024 / Salvador-Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com Instagram: @salvador_noticias_oficial
- Topo ↑