Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 15 de dezembro de 2018

Sala do Coro do TCA mantém programação especial em janeiro e fevereiro

Desde setembro, a Nova Sala do Coro do Teatro Castro Alves (TCA) vem sendo palco para uma diversa programação de retomada, reintegrando artistas e públicos na rotina do espaço, totalmente reformado. Em janeiro e fevereiro de 2019, uma agenda complementar garante a continuidade desta ocupação especial, apresentando concertos da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), três diferentes espetáculos do Balé Teatro Castro Alves (BTCA), temporada da peça “Em Família” e show do artista baiano Paquito.
 
“Em Família” e o cantor Paquito foram suplentes da Convocatória Especial Nova Sala do Coro – Ocupação da Pauta Artística da Nova Sala do Coro do TCA, que, nos últimos três meses, já dispôs ao público 80 sessões de 27 projetos artísticos selecionados, juntamente com a OSBA, o BTCA, os Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia (NEOJIBA) e as Escolas de Dança e de Música da Funceb.
 
“Em Família” é a nona montagem da companhia de teatro Os Argonautas, fundada em 1999, abrindo as comemorações dos seus 20 anos de existência e dos 80 anos do ator Harildo Deda, que protagoniza o espetáculo ao lado de Neyde Moura. A direção é de Marcelo Flores e o texto, de Oduvaldo Vianna Filho. A peça, que se passa nos anos 1970, narra a vida do casal de idosos Dona Lu e Seu Sousa, que são despejados da casa onde moravam por não terem condições financeiras para mantê-la. Com leveza e humor, o texto expõe o problema da velhice, da crise econômica vigente e do sistema previdenciário, ao denunciar as dificuldades de se viver em uma sociedade que marginaliza os mais velhos. A temporada de sete finais de semana vai de 11 de janeiro a 24 de fevereiro, de sexta a domingo.
 
No dia 15 de janeiro, “Paquito simplesmente” é o título do show do cantor e compositor Paquito, gravado, entre outros, por Maria Bethânia, Jussara Silveira, Daniela Mercury e Emanuelle Araújo, parceiro de gente como Gerônimo, Ronei Jorge, Arto Lindsay, Chico César e Fernando Pessoa. Paquito, que se define “ancorado na tradição mas com desvios estéticos de conduta”, está de volta num trabalho autoral e, dez anos após lançar seu último CD, apresenta as canções do próximo disco, ainda em fase de produção.
 
A OSBA apresenta seus diversificados concertos, nesta sala mais aconchegante e intimista, nos dias 8 e 9 de janeiro e depois em 13 e 14 de fevereiro.
 
TRÍADE DO BTCA – O Balé Teatro Castro Alves (BTCA) coloca em cena três de suas mais recentes criações, num apanhado de sua bem-sucedida trajetória dos últimos dois anos. Nos dias 23 e 24 de janeiro, será “Tamanho Único” – estreado no último mês de julho, trata-se de um conjunto de solos com temas livres interpretados por integrantes da companhia, criados por eles próprios e por convidados externos: o coreógrafo Augusto Soledade (Brasil/Estados Unidos) e o pesquisador em dança Leo Serrano (Argentina). As cenas abordam temas contemporâneos contextualizados nas experiências sociopolíticas e culturais dos criadores e bailarinos.
 
Nos dias 30 e 31 de janeiro, é a vez de “Lub Dub”, aclamado pelo público e considerado um dos 10 espetáculos de dança fundamentais de 2017 pela revista Bravo!. Criada pelo dançarino, coreógrafo e compositor sul-coreano Jae Duk Kim, a coreografia percussiva é uma intensa alternância de movimentos de tração e estremecimento, dinamismo e relaxamento, ritual e contemporâneo. Eleva o “lub” e o “dub” – como são chamados os sons do coração produzidos pela abertura e fechamento das válvulas que permitem a passagem do sangue – a uma metáfora sobre a vida, sobre a própria humanidade e sua energia vital, que motiva e sustenta o movimento do corpo: o corpo que pulsa, medita, protesta e luta.
 
Por fim, nos dias 6 e 7 de fevereiro, volta a cartaz “CHAMA: Coreografia para artistas incendiárixs”, estreado em dezembro com três sessões esgotadas na própria Sala do Coro. Dirigida pelos coreógrafos Jorge Alencar e Neto Machado, a montagem tem como disparador o incêndio do Museu Nacional, ocorrido em setembro passado, no Rio de Janeiro, e aborda questões de memória, construção e reconstrução, questionando nossas atitudes diante de ruínas.
 
Sala do Coro do Teatro Castro Alves
JANEIRO E FEVEREIRO 2019
 
Prata da Casa
ORQUESTRA SINFÔNICA DA BAHIA (OSBA)
8/1 e 9/1 (ter e qua), 20h
13/2 e 14/2 (qua e qui), 20h
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
 
BALÉ TEATRO CASTRO ALVES (BTCA)
23/1 e 24/1 (qua e qui), 20h: Tamanho Único
30/1 e 31/1 (qua e qui), 20h: Lub Dub
6/2 e 7/2 (qua e qui), 20h: CHAMA: Coreografia para artistas incendiárixs
R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia)
 
Temporada Espetáculo de Teatro
“EM FAMÍLIA” – CIA. DE TEATRO OS ARGONAUTAS
11/1 a 24/2, sex a dom, 20h
R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)
 
Terça da Música
PAQUITO
15/1 (ter), 20h

0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2023 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com Instagram: @salvador_noticias_oficial
- Topo ↑