Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 22 de outubro de 2022

Obras da parte física do Arquivo Público de Salvador estão concluídas

 


Fotos: Bruno Concha/Secom

Salvador celebrou o Dia Nacional do Arquivista, na quinta-feira (20), com uma novidade: a conclusão das obras da parte física do Centro de Interpretação do Patrimônio – Casa das Histórias e Arquivo Público de Salvador, situado na Praça Cairu, no Comércio. O espaço vai abrigar mais de quatro milhões de documentos históricos, desde a descoberta do Brasil até os dias atuais.

Os arquivistas têm sido peça fundamental na preservação da história, zelando pela categorização e organização de documentos relevantes para a cidade. A arquivista e bibliotecária Lucimar Oliveira falou da importância de ter um equipamento novo, para guardar de forma adequada o acervo da primeira capital do Brasil, que vinha sendo castigado há muitos anos, pelo armazenamento inadequado.

“Ver hoje o Complexo Casa das Histórias de Salvador e Arquivo Público prestes a ser inaugurado é o resultado do sonho e do trabalho de todos os profissionais, inclusive os que já se aposentaram.  Para os arquivistas, esse equipamento representa a valorização da memória, da cultura e também a possibilidade de implementação de uma política documental no município”, enfatizou.

Quem passa pelo bairro do Comércio já nota a beleza do equipamento cultural, que em breve será entregue à população pela Prefeitura. Com a parte física concluída, estão sendo montados os mobiliários, bem como os arquivos deslizantes, que compõem a estrutura interna, para receber todo acervo do Arquivo Histórico de Salvador.

Patrimônio – Com 75% do acervo restaurado e digitalizado, a expectativa é que o equipamento seja inaugurado até o final de dezembro. Vale ressaltar que toda a restauração está integrada à estratégia do município de projetar Salvador como referência em preservação de patrimônio.

“Em breve, será entregue um dos equipamentos culturais mais importantes da nossa cidade, que também será um grande indutor de turismo e vai preservar a história para as próximas gerações. Tudo isso faz parte de uma série de investimentos que a Prefeitura vem fazendo no bairro do Comércio”, declarou a secretária de Cultura e Turismo de Salvador (Secult), Andrea Mendonça.

Restauração – Com uma equipe formada 99% por mulheres, a restauração do acervo requer muita atenção por se tratar de um trabalho manual, artesanal e extremamente técnico, realizado no Laboratório de Conservação e Restauração, na Rua Chile. Neste local, os documentos são organizados e separados em níveis de restauração, que indicam, dentre outras especificidades, o grau de complexidade e tipos de intervenção aos quais os documentos devem ser submetidos.


Relíquias – O acervo soteropolitano é um dos mais antigos e raros da América Latina. Possui documentos datados desde o século XVI, que revelam a história e desenvolvimento da cidade e do Brasil. Pode-se destacar, por exemplo, uma cópia da certidão de batismo de Catarina Paraguaçu, datado de 1528; provisões reais datadas de 1624 e atas da Câmara Municipal de Salvador, cuja a coleção é reconhecida como Memória do Mundo da Unesco. Há, ainda, mais de 90 mil imagens e arquivos audiovisuais sobre a capital e também de personalidades, festas populares, dentre outros temas.

Estrutura – O prédio abrigará um rico acervo de documentos históricos e possui 12 pavimentos, além de mezanino. O coordenador do Prodetur Salvador, Iuri Mattos, destacou que esse complexo vai valorizar ainda mais o Centro Histórico da Cidade. “Estamos falando de um equipamento de ponta, que integra o novo Arquivo Público de Salvador e o primeiro Centro de Interpretação do Patrimônio no Brasil, que além de valorizar a história, pretende ser referência difusão cultural e na preservação de acervos históricos, arquivísticos, bibliográficos da cidade de Salvador com ampla acessibilidade,” comemorou.

As obras de restauração do Casarão Histórico e construção do Arquivo Público de Salvador possuem investimento da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), através do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur Salvador), por meio de empréstimo junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), no valor de R$34,7 milhões. As intervenções foram executadas pelo Consórcio Prodetur – Salvador, formado pelas empresas Metro Engenharia e Consultoria e Construtora BSM.


0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2024 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑