Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 28 de dezembro de 2022

Confira dicas para incluir os idosos nas festas de final de ano



As festas de fim de ano são ocasiões em que os idosos têm a oportunidade de aproveitar a companhia de amigos e familiares em um ambiente seguro e confortável. No entanto, as confraternizações precisam estar adequadas a necessidades específicas, como, por exemplo, o cuidado com a contaminação da Covid-19 após o ressurgimento de novas ondas de casos no país.


É comum entre as pessoas com idade avançada apresentar quadros de depressão e perda do interesse em atividades habituais. Por isso é importante planejar e organizar as comemorações para que os idosos possam se socializar com outras pessoas que não sejam do seu convívio, contribuindo para a sua autoestima e bem-estar, explica Daniela Matos, enfermeira e coordenadora da Ammo Enfermagem.


A dinâmica de uma família que possui idosos e pretende celebrar a chegada de um novo ano deve contar com cuidados especiais para incluir os mais velhos nas comemorações. “A opção por um cardápio mais saudável, com alimentos leves, que agrade o paladar dos idosos se torna indispensável nessa época. Outro fator que precisa ser levado em consideração é o ambiente em torno deles, priorizando sons e músicas que façam com que eles mantenham uma relação com memórias afetivas positivas”, ressalta a enfermeira.


É imprescindível observar o comportamento e as reações dos idosos diante da movimentação das festividades, evitando que o barulho não cause irritação ou tire a motivação para aproveitar a ocasião. Os parentes mais próximos devem demonstrar amor e interesse pela vida dos idosos, pois demonstrações de afeto combatem o estresse, a depressão e a ansiedade.


Veja outros cuidados recomendados pela coordenadora da Ammo Enfermagem:


- Atenda às vontades do idoso com respeito e ponderação e sempre pergunte se ele está se sentindo bem durante as festas;

 

- Caso o idoso esteja em viagem com membros da família, veja se o ambiente está adequado para receber alguém com idade avançada;

 

- Crie um itinerário com anotações que permita ao responsável pelo idoso lembrar da medicação que ele precisa tomar diariamente;

 

- Fique atento ao comportamento do idoso em casos de mudanças de humor, que podem estar atreladas à mudança de ambiente; muitas vezes, eles não verbalizam com facilidade esse desconforto emocional.


(Foto: Shutterstock)

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑