Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 14 de janeiro de 2023

Secretário de Justiça e Direitos Humanos participa de ato pela democracia


 

“Sem anistia”. Este foi o clamor do ato em repúdio à invasão e depredação das sedes dos três poderes, ocorrida no domingo (8), em Brasília. Organizado pela Ordem dos Advogados do Brasil - Secção Bahia (OAB-BA), em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA) e a Faculdade de Direito da UFBA, o ato teve o objetivo de reafirmar o fortalecimento das instituições na defesa da democracia e declarar apoio à população brasileira. O secretário de Justiça e Direitos Humanos da Bahia, Felipe Freitas, representou o Governo do Estado na atividade realizada na manhã desta sexta-feira (13), no Salão Nobre da Reitoria da UFBA, em Salvador.


Na sua fala, o secretário destacou a importância de defender a democracia como meio de garantir os direitos da sociedade. "Só a democracia é capaz de produzir um lugar social do embate político em favor de direitos humanos e fundamentais. É só na democracia que a gente produz as mudanças que faz com que a sociedade inclua todas as pessoas. É só na democracia que a gente encontra o alimento para falar de justiça e liberdade", destacou o secretário.


A presidente da OAB-BA, Daniela Borges, ressalto que os atos devem ser vistos como o momento de reforçar a democracia do nosso país. "A gente vive um momento muito frágil. A história da humanidade é de avanços e retrocessos. Cabe a cada um de nós, cidadãs e cidadãos, cabe as nossas instituições, definir se esse tempo será de retrocessos ou de avanços. Apesar do desafio, este ato aqui, mostra que será um tempo de resistência e avanço. Essa é uma oportunidade de consolidar a democracia", afirmou a presidente.


O professor Paulo Miguez, reitor da UFBA, enfatizou que devemos lutar pela democracia e garantir a liberdade. "Venceremos esse momento difícil e estaremos sempre na defesa da democracia", afirmou Miguez. O ato teve a participação de representantes de várias instituições, professores, estudantes e organizações da sociedade civil.


A mesa de abertura contou com a presença da Procuradora Geral de Justiça da Bahia, Norma Cavalcanti, do reitor da UFBA, Paulo Miguez, do diretor da Faculdade de Direito da UFBA, Júlio Rocha, da presidente da OAB- BA, Daniela Borges, do desembargador Edvaldo Brito, do Tribunal de Justiça da Bahia, e do defensor público Geral da Bahia, Rafson Ximenes.


Fotos: Mário Marques


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑