Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 14 de fevereiro de 2023

Parceria viabiliza projeto-piloto de ensino bilíngue em escolas municipais

 


Parceria viabiliza projeto-piloto de ensino bilíngue em escolas municipais 

 

Fotos: Valter Pontes/Secom 

 

Salvador lançou, na tarde desta sexta-feira (10), uma parceria com o Instituto Cervantes e o Governo do Reino da Espanha para ofertar a estudantes e professores da Rede Municipal de Ensino bolsas de estudo da língua espanhola. As bolsas são resultado de um memorando de entendimento assinado entre a Prefeitura e a instituição em junho de 2022.  

 

Além do prefeito Bruno Reis, estiveram no lançamento da ação no Palácio Thomé de Souza, a vice-prefeita, Ana Paula Matos, o titular da Secretaria de Educação (Smed), Thiago Dantas, o coordenador do Escritório de Cooperação Internacional (ECI), João Victor Queiroz, a embaixadora da Espanha no Brasil, María del Mar Fernández-Palacios, o cônsul-geral da Espanha na capital, Carlos Pérez-Desoy, e o diretor-geral do Instituto Cervantes de Salvador, Daniel Arca. 

 

O prefeito destacou que uma das premissas da gestão municipal tem sido buscar parceiros nacionais e internacionais que possam cooperar com a expertise de boas iniciativas que vêm sendo desenvolvidas nestes locais. Com esta parceria, afirmou, Salvador avança na promoção de um ensino bilíngue, visando oportunidades futuras de ascensão social para as crianças da capital.  

 

“Percebemos que dois aspectos são fundamentais para a educação. Um deles é a educação digital – recentemente, distribuímos um tablet para cada aluno, sendo 106 mil tablets com chip e pacote de dados, chromebook para 8 mil professores, e implantamos um ambiente virtual de aprendizagem. No futuro nossas crianças vão disputar postos de trabalho com quem está do outro lado do mundo, principalmente na área de tecnologia e inovação. O outro aspecto é o aprendizado de outra língua. A gente percebe que o fato de dominar outro idioma pode ser um facilitador para construir parcerias, e o melhor momento para aprender é quando se é criança”, detalhou. 

 

O gestor também explicou que os esforços do município têm sido no intuito de que esse projeto-piloto se expanda e possa alcançar mais crianças e jovens da capital baiana. “Estamos introduzindo isso na educação municipal pensando na frente, ou seja, além de pensar na estrutura das escolas, material pedagógico, na oferta de uma merenda boa e em ter professores motivados, estamos enxergando além com a educação digital e bilíngue. Esse será um dos principais legados que vamos deixar na cidade”, completou. Serão concedidas inicialmente 50 bolsas de acesso à plataforma de ensino do instituto.  

 

A vice-prefeita Ana Paula Matos agradeceu aos envolvidos pela articulação para a promoção do ensino bilíngue na capital. “A educação tem o poder de dar autonomia e realizar sonhos. Oportunizar o aprendizado de uma língua estrangeira é promover um presente e futuro melhor para os pequenos e pequenas de Salvador. Essa ação foi um avanço significativo na qualidade da educação do município e esse é um dos principais legados que nossa gestão deixará para a cidade”, pontuou.  

 

Para a embaixadora da Espanha no Brasil, María del Mar Fernández-Palacios, a iniciativa do instituto e da Prefeitura são essenciais para que os países demais América do Sul consigam trocar experiências e estabelecer vínculos. “A produção do espanhol no Brasil nos interessa muito não apenas por ser nossa língua, mas porque estamos firmemente convencidos que o espanhol é um eixo de integração importante. O Brasil é um país tão grande, com tantas potencialidades e rodeado de países que falam a língua espanhola, então é importante que ajudemos na promoção do idioma”, contou. 

 

Homenagem – A tarde também foi marcada pela inauguração, na Praça Municipal, de monumento comemorativo ao bicentenário da adoção da Constituição de Cádiz em Salvador. A iniciativa ocorreu por intermédio do Escritório de Cooperação Internacional (ECI) de Salvador em articulação com o professor pesquisador da Universidade de Salamanca, Jairdilson P. Silva. Além de consolidar a parceria com o Governo da Espanha, o monumento amplia o circuito turístico do Centro Histórico, possibilitando o turismo jurídico de espanhóis em Salvador.  

 

A homenagem, instalada através da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), foi feita em forma de um livro, que é a cópia da constituição de Cádiz. A peça tem um metro quadrado e foi feita em fibra, com textura em tons que remetem a um livro antigo. A Constituição de Cádiz foi implementada em 1812 na cidade de mesmo nome, na Espanha, e continha preceitos liberalistas que serviram como base para os movimentos de independência do Brasil e das constituições futuras.  

 

“Recebemos esta honra de construir um monumento tão importante e significativo, marcando um capítulo importante da história mundial e soteropolitana. O monumento é um presente da cidade de Salvador e representa uma aliança entre a capital e o governo espanhol. O equipamento ficará em um púlpito de granito e será um marco de liberdade e direitos, firmando esta aliança”, explicou o presidente da Desal, Virgílio Daltro. 


0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2024 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑