Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 5 de abril de 2023

Codecon fiscaliza preço e qualidade de produtos típicos da Semana Santa

 


Fotos: Bruno Concha/Secom

A Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon), ligada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), iniciou, na última quinta-feira (30), a Operação Semana Santa. A ação tem como objetivo pesquisar os preços dos produtos típicos do período, com divulgação de comparativos para o consumidor, e também fiscalizar as grandes feiras livres, mercados e supermercados da cidade, quanto ao cumprimento das normas do Código de Defesa do Consumidor (CDC) e leis consumeristas.

A pesquisa de preços acontece até a quarta-feira (5). No período, os fiscais fazem um levantamento dos produtos consumidos na Semana Santa e vistorias baseadas nas normas de defesa do consumidor, tais como, prazo de validade e acondicionamento dos produtos, informações de validade, higiene do local e obrigatoriedade de um exemplar do Código de Proteção e Defesa do Consumidor (CDC) no estabelecimento. Ao final da fiscalização, a Codecon divulgará um comparativo aos consumidores.

O diretor-geral da Codecon, Zilton Krüger Netto, alerta aos consumidores sobre a importância de pesquisar bem o preço dos produtos. “Comparado ao ano passado, tivemos um aumento, principalmente no preço da proteína como os peixes e camarões”, pontuou.

Além disso, o gestor também ressalta a fiscalização dos produtos, realizada pelos agentes do órgão, para verificar itens como segurança, armazenamento adequado, aumento de preço abusivo e a propaganda dos produtos que são consumidos. “Temos à disposição da população muitos mercados e feiras populares, além dos grandes mercados, então a pesquisa e a verificação são fundamentais”.

Permissionário do Mercado Municipal de Água de Meninos, Gilvan Santana, de 35 anos, conta que a qualidade dos produtos está boa, especialmente dos peixes, e que comparado ao ano passado, as vendas estão um pouco melhores. “A expectativa para esta semana é boa e tendo o apoio da Codecon na orientação, é muito bom. Quanto mais conhecimento, para oferecer um atendimento de excelência aos consumidores, melhor”.

A cuidadora de idosos Maria da Conceição Carneiro, de 55 anos, saiu de Ondina em busca do pescado para o feriado da Páscoa. Ela conta que prefere o Mercado pela qualidade dos produtos, e aprovou a presença da Codecon no local. “Os valores estão caros. Comprei a corvina de 25 reais, sendo que me passaram o valor de 18 (reais). Mas gostei de ter a Codecon aqui, fiscalizando e verificando os preços e a qualidade. Sempre prefiro o mercado daqui de Água de Meninos”.

Para denunciar possíveis irregularidades, os canais oficiais são os aplicativos Codecon Mobile e Fala Salvador, site www. codecon. salvador. ba. gov. br), portal Fala Salvador (www. falasalvador. ba. gov. br) ou através do Fala Salvador 156. O consumidor também pode reclamar ou denunciar presencialmente na Central Municipal de Atendimento ao Consumidor, que funciona de segunda a sexta-feira em dias úteis, das 8h às 17h, na Rua Chile, 3, Centro. Para mais orientações, o cidadão pode ligar ainda para o número (71) 3202-6270.


0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2023 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com Instagram: @salvador_noticias_oficial
- Topo ↑