Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 20 de junho de 2024

Dia Mundial do Doador de Sangue no Junho Vermelho

 

Dia Mundial do Doador de Sangue no Junho Vermelho destaca a importância de garantir os estoques de sangue para atender demandas de hospitais


A doação de sangue é um tema de extrema importância. Com a campanha nacional Junho Vermelho o objetivo é intensificar a conscientização e aumentar o número de doadores em todo o Brasil, engrossando a corrente nesta sexta-feira (14), no Dia Mundial do Doador de Sangue. “É importante ressaltar que não há substitutos para o sangue”, disse Andreia Moraes, hematologista da Pró-Saúde.


De acordo com dados do Ministério da Saúde, aproximadamente apenas 1,4% da população brasileira doa sangue, totalizando 3.159.774 doações anuais no Sistema Único de Saúde (SUS). Embora o Brasil esteja dentro da recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), muitas vezes há falta de sangue nos hemocentros porque existem diversos fatores que constantemente elevam a necessidade de novos doadores.


O processo de doação de sangue é rigoroso e seguro, tanto para o doador como o receptor. A doação começa pela identificação do doador no hemocentro. Em seguida, são realizados a pré-triagem, onde são verificados os sinais vitais e feito um teste de anemia, e a triagem clínica, com um questionário sobre a saúde do candidato. Após a coleta, o sangue passa por exames laboratoriais que reforçam a segurança.


Quem pode doar?


Idade entre 16 e 69 anos (menores de 18 anos devem apresentar autorização dos responsáveis);


- Peso mínimo de 50kg;


- Estar alimentado, evitando comidas gordurosas 3 horas antes da doação;


- Não ter apresentado sintomas de gripe ou resfriado nos últimos 10 dias;


- Apresentar documento de identificação oficial com foto.




Quem não pode doar?


- Quem ingeriu bebida alcoólica nas últimas 12 horas;


- Pessoas que tiveram hepatite A após os 10 anos de idade; ou outros tipos de hepatite em qualquer idade.


- Aqueles que realizaram endoscopia nos últimos 6 meses;


- Quem fez tatuagem ou piercing há menos de 1 ano.



A doação de sangue garante que os estoques se mantenham adequados. “Todo o sangue usado nos hospitais na realização de cirurgias ou tratamento de pacientes críticos vem da doação voluntária de pessoas que tiram um tempo em sua rotina para ajudar outras pessoas que na maioria das vezes nem conhecem. Faça parte desse time”, afirmou Andreia Moraes, hematologista da Pró-Saúde.

0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2024 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑