Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 7 de julho de 2024

Dia mundial do chocolate

 

Dia mundial do chocolate: Apesar da fama de vilão da dieta, médico afirma que a iguaria pode ser uma aliada da saúde


Rico em antioxidantes, o doce mais amado do mundo pode ajudar na pressão arterial e até melhorar a função cognitiva, segundo Dr. Rodrigo Schröder, um dos maiores nomes da Medicina e Performance esportiva


Doce, amargo, branco, preto, ele conquista os paladares mais diversos e ganhou um dia para chamar de seu: 07 de julho é celebrado o Dia Mundial do Chocolate. Mais do que uma sobremesa que poucos resistem ou até mesmo aquele socorro em tempos de TPM, a iguaria pode ser uma aliada à saúde, de acordo com Dr. Rodrigo Schröder, um dos maiores nomes da Medicina e Performance esportiva e referência em comunicação sobre saúde, com mais de 1 milhão de seguidores nas redes.


Rico em flavonoides, o chocolate pode ser um antioxidante poderoso. “Esses compostos ajudam na melhora da saúde cardiovascular, reduzindo a pressão arterial e melhorando a elasticidade dos vasos sanguíneos”, afirma o médico. “Além disso, há evidências de que o consumo moderado de chocolate pode ajudar a melhorar a função cognitiva e fornecer benefícios anti-inflamatórios.”


O salvador da pátria durante a TPM - Quando a tão temida tensão pré-menstrual chega, nada resolve mais do que alguns mimos e um bom chocolate. E a ciência explica. De acordo com o Dr. Rodrigo, o chocolate contém compostos como a feniletilamina, que pode melhorar o humor ao aumentar os níveis de endorfinas e serotonina no cérebro.


Infelizmente, essa ainda não é a justificativa perfeita para mergulhar na iguaria. “É importante notar que esses efeitos são geralmente sutis e o chocolate não deve ser visto como uma solução definitiva para problemas de humor”.


Quanto mais amargo, melhor, mas o branco tem seu valor - Quando o tema é boa forma, geralmente o chocolate branco sai de cena. Isso porque a concentração de cacau é que proporciona os benefícios, enquanto a versão branca é apenas manteiga de cacau, açúcar e leite. Mas ele também não deve ser vilanizado. 


“Embora não seja tão saudável quanto o chocolate amargo, quando consumido com moderação e dentro de uma dieta balanceada, não é necessariamente prejudicial.”


A diferença entre o remédio e o veneno, é a dose - Assim como qualquer outro alimento, o problema do chocolate mora no exagero. Para obter todos os benefícios da iguaria, Dr. Rodrigo recomenda cerca de 20 a 30 gramas de chocolate 70% cacau por dia. “É o suficiente para aproveitar sem adicionar calorias excessivas à dieta”.


O médico também indica que seja consumido junto a uma refeição, para reduzir o impacto glicêmico, ou seja, a velocidade que o açúcar chega à corrente sanguínea. E é melhor comer de dia. “Especialmente para quem é sensível à cafeína, já que pode perturbar o sono.”


Apesar de tudo, pode ser tóxico - Rico em calorias, açúcares e gorduras saturadas, o médico alerta que além de poder contribuir para o ganho de peso e problemas associados como diabetes tipo 2 e doenças cardíacas, alguns chocolates contêm altos níveis de metais pesados, como chumbo e cádmio, que podem ser tóxicos. 


“O consumo excessivo também pode contribuir para problemas dentários, como cáries, devido ao seu conteúdo de açúcar. Por fim, pessoas com refluxo gastroesofágico podem encontrar piora dos sintomas ao consumir chocolate, pois ele pode relaxar o esfíncter esofágico inferior, permitindo que o ácido suba para o esôfago”, alerta o médico. No fim, moderação é a chave para aproveitar sem culpa.

0 comentários :

 

Paparazzo

Paparazzo
É DO SALVADOR NOTÍCIAS!

Carnaval

Carnaval
Blog do Carnaval

Eventos

Eventos
Revista (Let's Go)

São João

São João
Arraiá do Salvador Notícias é aqui!
SALVADOR NOTÍCIAS
Todos os direitos reservados desde 2000-2024 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑