Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 1 de janeiro de 2011

Estudantes prometem parar Salvador segunda-feira

Após o anúncio do aumento da tarifa das passagens de ônibus de R$2,30 para R$2,50, os estudantes de Salvador prometem parar o trânsito da cidade na próxima segunda-feira, 3. A manifestação estudantil está marcada para acontecer a partir das 15h, com concentração na Rótula do Abacaxi e saída em direção à estação de transbordo do Iguatemi.
No site de relacionamentos Orkut, centenas de pessoas organizam uma passeata. O novo valor é válido a partir de 1º de janeiro para as linhas convencionais.
O movimento, denominado de Exú Tranca-Ruas Salvador, comandado pelo estudante de direito da Universidade do Salvador (Unifacs), Marcos Vinícios Ribeiro, ganhou força na internet por meio das redes sociais, como Orkut e Twitter, e em menos de cinco horas de criação já alcançou mais de 550 simpatizantes. De acordo com Ribeiro, a expectativa é que pelo menos 300 estudantes participem do ato.

Integrantes de entidades estudantis como a União dos Estudantes da Bahia (UEB), Associação dos Grêmios Estudantis de Salvador (Ages), Praças Vermelhas (grupo independente criado por estudantes do antigo Cefet) e outros estudantes se reuniram na Biblioteca Pública dos Barris, nesta quarta-feira, 29, para definir detalhes do ato de segunda-feira. O grupo se reunirá também na quinta-feira, 30, às 16h, no mesmo local.
Segundo Marcos Vinícios, o objetivo do Movimento Exú Tranca-Ruas Salvador, que é uma reedição da Revolta do Buzu, manifestação estudantil que, entre agosto e setembro de 2003, parou as ruas da cidade, é provar para o poder público municipal que os estudantes podem se organizar e lutar pelos seus direitos, mesmo no período de férias. Segundo ele, com a realização do ato os estudantes buscam barrar o aumento anunciado nesta terça-feira, 28. Ele disse ainda que a manifestação de segunda-feira não será um ato isolado. Os estudantes prometem seguir mobilizados, paralisando vários pontos da cidade, com o intuito de que a sociedade entenda e possa aderir à causa que estão defendendo.
"Salvador não possui um transporte público de qualidade para justificar o aumento absurdo", diz trecho da descrição da comunidade "Movimento Exú Tranca Ruas-SSA", que foi criada nesta quarta-feira (29) para articular a manifestação estudantil e já possui cerca de 450 membros

De acordo com a Secretaria de Comunicação, deve ser publicada no Diário Oficial, até o final desta semana, uma portaria estabelecendo o reajuste. Não foi informado se também serão reajustados os valores das linhas seletivas de ônibus.
Mas nesta terça-feira, 28, o secretário enviou à Câmara de Vereadores uma planilha de custos explicando o aumento – mesmo assim, a assessoria da Setin chegou a negar que houvesse o aumento. Na planilha, a prefeitura calculou em R$ 2,63 o valor da tarifa, se considerados os custos das empresas de ônibus, mas justifica que tomou uma decisão política de só conceder aumento até R$ 2,50. Os empresários queriam R$ 2,74.
Representações de estudantes e até o Ministério Público Estadual criticaram o aumento. A Associação de Grêmios e Estudantes de Salvador (Ages) soltou nota afirmando que a cidade possui “um dos piores sistemas de transporte coletivo do Brasil”, declarando “repúdio” à medida.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑