Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 31 de dezembro de 2017

Teatro: Brincando em cima daquilo - Estreia 05/01

Os textos que são uma referência no teatro mundial, falando de desejos, sonhos e conflitos presentes no universo feminino, são interpretados pelo ator Wilson de Santos. Depois de uma temporada em São Paulo, a obra dos italianos Dario Fo e Franca Rame, encenada no Brasil por grandes atrizes, como Marília Pêra, Denise Stoklos e Débora Bloch, finalmente chega ao Teatro Eva Herz – Salvador a partir da primeira semana de janeiro de 2018. Brincando em cima daquilo traz ator paulista Wilson de Santos, conhecido do público baiano por seus muitos papéis na Cia. Baiana de Patifaria, dando vida a três mulheres mergulhadas em humor e poesia para desafiar as pequenas – e também gigantescas – repressões às quais estão sujeitas em suas relações cotidianas. A comédia fica em cartaz de 05 de janeiro a 04 de fevereiro, numa temporada sempre aos sábados, às 20h, e aos domingos, às 18h. A estreia, excepcionalmente, acontece numa sexta-feira, dia 05/01, às 20h. 

Brincando em cima daquilo tem direção do ator e diretor Marcelo Médici e traz três esquetes que mesclam momentos de muito humor com a crítica contida no enfrentamento à violência e à educação repressora que insistem em recair sobre as mulheres, ainda hoje. Maria, uma dona de casa, é trancada no apartamento pelo marido ciumento; Marina, esposa cansada da rotina do casamento, encara seus
desejos num verdadeiro – e cômico – “dia de fúria”; já a operária Nalva acorda atrasada e tenta encontrar as chaves da porta de casa, numa luta contra o relógio e suas incontáveis “obrigações” cotidianas. Ressignificadas pelo olhar, voz e corpo de Wilson, todas as cenas são capazes de nos fazer rir e gerar uma identificação com a força da peça de Fo e Rame, sempre ancorada na união da coloquialidade do texto e o desempenho dos artistas que decidem dar vida àquelas histórias.

“Wilson de Santos é do tipo de ator que não teme grandes desafios. (...) Famoso por sua versatilidade justamente ao incorporar personagens femininas, Wilson dá conta do recado, divertindo e fazendo refletir a plateia do Teatro Renaissance, em São Paulo.” – Crítico Miguel Arcanjo Prado ( UOL).

A proximidade entre o ator e o público, utilizando a improvisação para manter um contato direto entre eles, é uma das características que não deixa Brincando em cima daquilo perder sua vitalidade. E essa é justamente uma das grandes características do trabalho de Wilson de Santos, que valoriza palavras, olhares e o timing em cena para estabelecer um diálogo íntimo – e sempre hilário – com quem se deixa contaminar pelo humor ácido com o qual constrói suas personagens. A autorização da peça – cujos textos foram encenados em cerca de 50 países e nunca antes haviam sido liberados para um ator – foi dada a Wilson por Jacopo Fo, filho do casal italiano e representante da obra, que se sentiu instigado com a novidade após analisar o currículo do ator. "Comediante de mão-cheia acostumado aos tipos femininos, o ator paulista Wilson de Santos é o primeiro homem a protagonizar os monólogos de Brincando em Cima Daquilo. (...) O protagonista acentua o caráter tragicômico dessas duas histórias e ganha o público pela identificação com as situações. Mas é na parte final, porém, como a dona de casa Maria, que o talento de Santos salta aos olhos do espectador.” – Critico Dirceu Alves Jr. (Veja SP)

Wilson é um velho conhecido do público baiano. Por mais de 13 anos na Cia Baiana de Patifaria, integrou os elencos de sucessos como A Bofetada, Abafabanca e Noviças Rebeldes. Nos últimos anos ele levou aos palcos brasileiros hilárias personagens femininas, como a freira Maria José, do solo A Noviça Mais Rebelde (que esteve em Salvador com enorme sucesso, em 2015), e a atriz Bette Davis, na peça Bette Davis e Eu (produção paulista de 2016). Atuou ainda em peças como Viva o Demiurgo (direção de Bibi Ferreira), A Diabólica Moll Flanders (com Ary Fontoura e direção de Charles Möeller), o musical Vitor ou Vitória (com Marília Pêra e direção de Jorge Takla), Sua Excelência o Candidato (com Reynaldo Gianecchini e direção de Alexandre Reinecke) e Advocacia (com Heloísa Pérrissé e direção de João Fonseca).

Na TV, viveu o camareiro do night club Copacabana em Kubanacan (novela de Carlos Lombardi com direção de Wolf Maya) e o personagem “Jojo”, em Duas Caras (novela de Aguinaldo Silva com direção de Wolf Maya). Essa nova versão de Brincando em cima daquilo, portanto, é uma oportunidade rara de viver através do teatro uma experiência emocionante e, sobretudo, divertidíssima pelas mãos – e talento – de Wilson de Santos.

Vídeo: https://youtu.be/TN4t8KAgZAc
Brincando em cima daquilo:
Local: Teatro Eva Herz (Livraria Cultura) – Salvador Shopping – Av. Tancredo Neves,
nº 2.915 – Bilheteria duas horas antes do espetáculo. Pagamento em dinheiro e
cartões. Capacidade: 200 lugares. Tel. 4003-1212.
Vendas: https://www.ingressorapido.com.br/venda/?id=4236#!/tickets
Temporada: de 05/01 a 04/02/2018
Horário: Sábados, às 20h e domingos, às 18h. (A estreia, excepcionalmente,
acontece numa sexta-feira, dia 05/01, às 20h)
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 30,00 (meia). 400 ingressos gratuitos para pessoas
de baixa renda estão disponíveis no site: www.eufacocultura.com.br. Dúvidas e
maiores informações pelo telefone (11)98948-7669.
Duração: 90minutos / Recomendação etária: 14 anos
FICHA TÉCNICA:
COM WILSON DE SANTOS
DE DARIO FO E FRANCA RAME
DIREÇÃO MARCELO MÉDICI
TRADUÇÃO MICHELE PICCOLI E ROBERTO VIGNATI
CENÁRIO E FIGURINOS FÁBIO NAMATAME
MÚSICA ORIGINAL RICARDO SEVERO
ASSISTÊNCIA DE DIREÇÃO BETO METTIG
PROGRAMAÇÃO VISUAL VICENTE QUEIROZ
ILUSTRAÇÕES CAIO BORGES
ASSISTÊNCIA DE FIGURINOS JULIANO LOPES

FOTOS MÁRIO FONTES
PRODUÇÃO DE VÍDEOS DUMMY VÍDEO
ASSESSORIA DE IMPRENSA BETO METTIG
PUBLICIDADE DIGITAL AGÊNCIA GUARA
OPERAÇÃO DE SOM E LUZ ODILON HENRIQUES
PRODUÇÃO LEONARDO LEAL
REALIZAÇÃO TEATRO DO RISO

0 comentários :

 

E Chic

Blog do Sâo Joâo

Decoraçâo

Decoraçâo

São Joâo

São Joâo
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑