Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Ato contra Intolerância Religiosa será realizado durante Festa de Iemanjá no Rio Vermelho

Apesar de ser conhecido pelo sincretismo, ainda são registrados casos de intolerância religiosa na capital baiana. Desde 2013, quando foi criado o Centro de Referência de Combate ao Racismo e à IntolerânciaReligiosa Nelson Mandela, foram denunciados mais de 100 casos de violação de direito à livre manifestação de culto e religião. Pensando nisso, o 'Movimento Mais Defensores Públicos na Bahia' realizará, no dia 02 de fevereiro, a partir das 8h, ‘Ato contra a Intolerância Religiosa e a Favor da Paz’, no Rio Vermelho. Durante a ação, advogadas, aprovadas no último concurso público da Defensoria, distribuirão materiais educativos sobre o tema, alertando a população sobre a prática criminosa e a importância do respeito às diferenças.

De acordo com a advogada Lavinie Eloah, uma das líderes do Movimento, a ideia é estimular a prática do amor, valorização, reconhecimento e do respeito às diferentes religiões existentes. “Não é admissível que em um estado, como a Bahia, ainda existam casos de intolerância religiosa sendo registrados em delegacias”, afirma. Ainda de acordo com ela, o dia 2 de fevereiro foi escolhido pela importância histórica e por ser uma das festas em que a mistura entre religiões, de matriz africana e católica, está tradicionalmente presente entre os baianos.

Reparação

Além de distribuir informes sobre a prática e penalidades, o Movimento também prevê a conscientização da população, através de esclarecimento de dúvidas, ao longo do ato a favor da paz. No estado, cabe à Defensoria Pública promover a defesa dos direitos aos vulneráveis, promover a reparação das vítimas no ato de discriminação, bem como dos grupos sociais também vulneráveis. O déficit  de defensores, em todo o estado, é de 1.239 profissionais, o que coloca a Bahia como o 20º pior estado em relação ao número de Defensores Públicos, no ranking nacional, de acordo com levantamento realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑