Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Malê Debalê escolhe a sua realeza para 2018

O Bloco Afro Malê Debalê escolheu, no sábado (27), os seus representantes como rainha, rei, princesas e príncipes para o ano de 2018, no 39º Concurso Negra e Negro Malê Debalê. Com uma disputa acirrada entre 17 candidatos (8 mulheres e 9 homens) a comissão julgadora elegeu como rainha a moradora do bairro de Itapuã, Viviane Lopes, 27 anos e reina ao seu lado Lucas Pissay, 23 anos, morador do bairro de Sussuarana.

A nova Negra do Malê Debalê é persistente, pois concorreu pela quarta vez e teve como uma das motivações ter conhecido pessoalmente uma das mulheres do tema do bloco, a sua vizinha, D. Francisquinha. “Ganhei força ao saber do tema e ao contar com o apoio da minha comunidade”, afirmou Viviane Lopes.

Já o estilista e coreógrafo, Lucas Pissay, atua junto ao projeto social Malezinho, desde 2014, e deseja que bloco cresça durante o seu reinado. “Estou muito feliz pela vitória e consegui receber do público sorrisos, aplausos e em sinal de retribuição distribuí flores durante a performance”, concluiu.

Ainda compõe a realeza do bloco afro as princesas: Caroline Almeida, 19 anos, moradora da Sussuarana e Cecília Cadile, 28 anos, moradora do Garcia e os príncipes: Yure Meneses, 26 anos, Engenho Velho da Federação e Emerson Ataíde, 33 anos, Bonfim.

O tema do bloco em 2018 é Nzinga, Jokanas e Francisca: Um poder Feminista, que tem como objetivo de conscientizar a sociedade sobre o respeito ao gênero feminino com os exemplos de mulheres que vão desde a Rainha de Angola, Nzinga; as índias baianas representadas pelas Pataxós, Jokanas e a mulher de Itapuã com uma figura icônica, D. Francisquinha.

Fizeram parte do corpo de jurados Bel Souza, Cristina Oliveira, Suely Conceição, Alberico Alves e José Rosa Júnior que avaliaram figurino, dança e simpatia. Os vencedores receberam as premiações, do 1º ao 3º colocado(a)s, para ambos os sexos: R$ 2.500,00 e duas fantasias do bloco; R$ 1.000,00 e uma fantasia e, por fim, R$ 500,00 e uma fantasia.

Além da banda Malê, o grupo ÀTTOOXXÁ animou a noite que ficou completa com a entrega das premiações dos vencedores do 39º Festival de Música Negra Malê, categoria tema: 1. Mulheres Guerreiras, Essência da Vida - Prof. Carlinhos e Marcos Oliveira; 2. Identidade Feminina - Washington Torres; 3. Mulher Essência da Vida - Tica Mahatma e na categoria poesia: 1. Melanina do Mundo - Guzza e Kiabo Capoeira; 2.Favela Malê - Silvio Almeida Bispo e 3. Nação Malê - Joelson F. dos Santos.


0 comentários :

 

E Chic

Blog do Sâo Joâo

Decoraçâo

Decoraçâo

São Joâo

São Joâo
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑