Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Noite da Beleza Negra exalta valores de Mandela e traz banda fenômeno de pop funk do Rio

Maior concurso de beleza de mulheres negras do Brasil terá como atração musical o grupo Dream Team do Passinho neste sábado (20) na sede do Ilê Aiyê


Neste sábado, 20, a partir das 20h, o Ilê Aiyê abre suas portas pelo 39º ano consecutivo para realizar este que se tornou o maior concurso de beleza e exaltação da mulher negra do Brasil, a Noite da Beleza Negra. O mais antigo bloco afro do país irá eleger a Deusa do Ébano 2018 e, mais uma vez, fortalecer sua imensurável contribuição para a autoestima da mulher negra brasileira. 

A premiação este ano comemora o ineditismo de ter uma candidata norte-americana entre suas 16 belas e aguerridas participantes. A edição 2018 conta com patrocínio da Avon, que reforça com esta ação seus principais pilares: empoderamento feminino e diversidade. A parceria com o Ilê Aiyê faz parte da campanha de lançamento do novo batom EPIC, linha com 29 cores que compõem a proposta da marca para o Carnaval.

Com direção artística e roteiro de Elísio Lopes Jr., a 39ª Noite da Beleza Negra traz como inspiração o tema do Carnaval do Ilê Aiyê 2018: Mandela. A Azânia celebra o centenário de seu Madiba. “Mergulhei na representatividade de Nelson Mandela para entender o que exatamente fundamenta sua relevância enquanto ícone dessa luta e escrevi o roteiro em cima da pergunta: o que seriam metas de um cara como Mandela hoje no Brasil?”, conta Elísio.

Por meio de performances que irão fazer do evento mais uma vez um espetáculo surpreendente, o diretor vai traduzir no palco as respostas que encontrou. “Precisamos de paz, vivemos um período de genocídio negro. Precisamos acolher a diversidade sexual, pois temos um machismo que impera e que mata mulheres e gays, a maioria negros. E estamos mergulhados na corrupção, mas nunca tivemos um presidente negro no Brasil eleito por voto popular, ou seja, pagamos a conta mas não estamos no poder”, resume o diretor.

 Como um ato político que traduz suas mensagens por meio de música, dança e teatro, a noite de eleição da Rainha do Ilê Aiyê terá participações especialíssimas, como a do cantor e compositor, ícone da cultura afro-baiana, Mateus Aleluia, a atriz e cantora transformista Divina Valéria, o ator da Rede Globo David Jr. e a atriz Thais Araújo, que gravou a mensagem de abertura da noite. Enquanto a mensagem é lida na voz de Thais, um vídeo apresenta as 16 candidatas.

Também está previsto para a abertura do evento um desfile de moda que vai misturar três grifes de moda afro, Meninos Rei, Black Atitude e Lab Fantasma, esta última do artista e empresário Fióti (irmão de Emicida). Na passarela, 90% dos modelos serão homens, da Agência PjT Models, que vem se destacando por ter um cast formado por talentos garimpados essencialmente nas periferias de Salvador. “A noite é da mulher negra, mas o grande homenageado é um homem, Mandela, por isso fizemos um desfile que também exalta o masculino”, realça o diretor.

Anfitriã da casa, a Band’Aiyê traz para diversos momentos da noite o repertório de grandes músicas do Ilê Aiyê. Ápice do espetáculo, a revelação da vencedora ao título de Deusa do Ébano 2018 acompanha a despedida da atual dona da coroa, a professora de dança Gisele Soares, passagem prevista como uma das mais emocionantes do roteiro. Este ano, além do Troféu Perfil Azeviche (2º e 3º lugares) e do Troféu Deusa do Ébano (1º lugar), as vencedoras serão premiadas com fantasias do bloco Ilê Aiyê.

E como a marca da Noite da Beleza Negra é causar um suspiro atrás do outro no público, o show de encerramento promete tirar o fôlego da plateia de uma vez. Toda a arte, estilo, ousadia e irreverência da favela invadem o palco da Senzala do Barro Preto com o grupo de pop funk carioca fenômeno no Brasil, Dream Team do Passinho, formado por Lellêzinha, Diogo Breguete, Hiltinho, Pablinho e Rafael Mike.

“A gente entende que dialogar com o público jovem é fundamental para nosso trabalho de conscientização e combate ao racismo. Trazer o Dream Team do Passinho faz parte da preocupação do Ilê em inovar suas ferramentas de luta. O racismo é volúvel, sempre muda a forma de atacar, nós temos que também mudar as formas de nos defender”, argumenta o presidente e fundador da entidade, Antônio Carlos Vovô.

Com convite recebido com festa pela banda dona do sucesso Oi Sumido, os integrantes do grupo que acumula milhões de views no YouTube terão ainda um momento especial ao lado da Band’Aiyê. Musicalmente, promoverão um encontro entre a favela da Bahia e do Rio de Janeiro, cantando com a banda do Ilê Aiyê a canção Refavela de Gilberto Gil.

A 39ª Noite da Beleza Negra 2018 tem direção coreográfica de Zebrinha, produção musical de Jarbas Bitencourt e figurinos assinados por Dete Lima. A direção de arte de stylling do desfile de moda é de Luciano Santana. A Band’Aiyê se apresenta sob regência do maestro Kehindê Boa Morte. A cenografia é de Renata Motta, com projeções e vídeos do VJ Dexter. A produção é de Clarissa Torres.



SERVIÇO

39ª Noite da Beleza Negra

Dia: 20 de janeiro (sábado)

Horário: 20h

Local: Senzala do Barro Preto – Ladeira do Curuzu, Liberdade

Ingressos: R$ 50 (pista); R$ 100 (camarote) – Valores Promocionais

Vendas: Senzala do Barro Preto e Boutique do Ilê (Pelourinho)

Vendas online: IngressoRapido.com.br

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑