Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Salvador recebe de 24 a 26 de agosto, o Anima Mundi 2018

A CAIXA Cultural Salvador apresenta, de 24 a 26 de agosto, o Anima Mundi 2018, um dos mais importantes festivais de animação do mundo.


Depois do Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília, os baianos poderão conferir gratuitamente a versão itinerante do festival Anima Mundi, que já está na sua 26ª edição. Com sessões de aproximadamente uma hora de duração, o público terá um amplo painel em 48 filmes, infantis, infanto-juvenis e adultos, do que vem sendo produzido no Brasil e no mundo em termos de animação. Nos três dias do evento, a garotada também está convidada para participar da Oficina de Massinha, das 12 às 18h, realizada gratuitamente. De 24 a 26 de agosto, todas as atividades do festival ocorrem na CAIXA Cultural Salvador, localizada na Rua Carlos Gomes, 57, Centro.

A programação e classificação indicativa dos filmes estão disponíveis nos sites: www.caixacultural.gov.br e www.animamundi.com.br.

Já os amantes de curtas de animação adulto terão a oportunidade de assistir 21 filmes, alguns já premiados, criados por diretores brasileiros e estrangeiros. No dia 24 agosto, às 20 horas, será realizada a abertura do evento, reunindo alguns dos principais filmes adultos que serão exibidos durante o festival. Destaque para Weekends, no norte-americano Trevor Jimenez, vencedor de Melhor Roteiro de 2018; o brasileiro Lé com Cré, de Cassandra Reis; e o francês Hybrids, de Florian Brauch, Matthieu Pujol, Kim Tailhades, Yohan Hireau e Romain Thirion.

Nos dias 25 e 26 de agosto (sábado e domingo), serão exibidas uma seleção de filmes, com o melhor do que foi apresentado recentemente Anima Mundi 2018, no Rio de Janeiro, e nas últimas edições. Entre os filmes adultos, destaque para os eleitos este ano pelo Júri Popular: o francês Like an Elephant in China Shop, de Louise Chevrier, Luka Fischer, Rodolphe Groshens, Marie Guillon, Eletelle Martines, Benoit Paillard e Lisa Rosassombat, vencedor de Melhor Curta de Estudante; O Homem Caixa, de Ale Borges, Álvaro Furloni e Guilherme Gehr, eleito o Melhor Curta Brasileiro; e o impactante Augenblincke, da alemã Kiana Naghshineh, vencedor de melhor Técnica de Animação 2018.



O Anima Mundi traz uma programação especial infantil, reunindo 27 filmes divididos em uma sessão, às 15 horas, no sábado (25/08) e duas sessões, às 15 e 17 horas, no domingo (26/08). Destaque para o brasileiro Lé com Cré, de Cassandra Reis, vencedor do Prêmio Carlos Saldanha de Melhor Curta de Estudante Brasileiro e Melhor Curta Infantil pelo Júri Popular de SP. A programação reúne filme aplaudidos, entre eles o suíço Kuap, de Nils Hedinger; o norte-americano Dois Balões, de Marc Smith; e o iraniano Roobi e as Galinhas, de Babak Nekoel e Behood Nekooei.



Oficinas para o público infantil:



A edição da CAIXA Cultural Salvador do festival conta com a oficina infantil Massinha, indicada para maiores de 08 anos, que será realizada das 12 às 18 horas, de sexta até domingo. Os participantes criarão roteiros e confeccionarão personagens animados em um cenário de fundo infinito. A oficina é gratuita e o critério de seleção será o da ordem de chegada. Serão ofertadas turmas rotativas, a cada intervalo de 30 minutos, cada uma com capacidade para 20 pessoas.



Anima Mundi itinerante:

Realizado regularmente no Rio de Janeiro e São Paulo, que recebem a programação completa de filmes, o Anima Mundi ganhou itinerância pela primeira vez em 2016, realizando versões reduzidas do festival em unidades da Caixa Cultural. 



Incentivo à cultura - A CAIXA investiu mais de R$ 385 milhões em cultura nos últimos cinco anos. Em 2018, nas unidades da CAIXA Cultural em Brasília, Curitiba, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, está prevista a realização de 244 projetos de Artes Visuais, Cinema, Dança, Música, Teatro e Vivências.

A CAIXA Cultural Salvador foi inaugurada em 1999, no prédio datado do século XVII, que já abrigou a antiga Casa de Orações dos Jesuítas e onde, ao longo da história, já trabalharam personalidades como Glauber Rocha, Caetano Veloso e Lina Bo Bardi. Após ser tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional e restaurada pela CAIXA, a Casa hoje oferece ao público duas galerias de arte, um anfiteatro, um salão para espetáculos, uma sala para eventos e uma sala de oficinas, constituindo importante espaço de difusão cultural localizado no centro de Salvador (BA).

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑