Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Secretaria da Educação implanta cinco classes hospitalares e domiciliares


Secretaria da Educação do Estado implanta cinco classes hospitalares e domiciliares para estudantes enfermos em Ilhéus e Itabuna.


Três classes hospitalares e duas domiciliares serão implantadas pela Secretaria da Educação do Estado, nesta quarta-feira (26), nas cidades de Ilhéus e Itabuna, sendo as primeiras do interior da Bahia. A ação faz parte do programa SARAHDO – Serviço de Atendimento à Rede em Ambiências Hospitalares e Domiciliares, que visa garantir o direito de estudantes enfermos (Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos/EJA), que se encontram nos leitos hospitalares ou em atendimento médico domiciliar, a darem continuidade aos seus estudos. Em média serão atendidos 1.300 estudantes, por mês, nos Hospitais Regional Costa do Cacau, Manoel Novaes e Calixto Mideledj, assim como no Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), e no Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO). 

O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, que participará das atividades destacou o papel do SARAHDO. “O programa surge de uma necessidade de fazer a cobertura da Educação Inclusiva no nosso Estado de modo total. Quando um aluno da rede adoece e vai para um leito ou fica em casa por conta de um problema de saúde, ele está sendo condenado ao abandono escolar naquele período. Então, criamos o programa justamente para cuidar dessas pessoas em um momento difícil, fazendo com que a educação seja verdadeiramente inclusiva. Este projeto vem como um novo desafio de levar a educação para onde o estudante estiver, seja em sala de aula, em casa ou no hospital. É a escola ampliando os seus espaços através do acompanhamento, do acolhimento e, principalmente, da verdadeira inclusão”, afirmou.

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, também participará das entregas. Pela manhã, às 9h, será implantada a Classe Hospitalar do Hospital Regional Costa do Cacau, durante cerimônia, no auditório da unidade hospitalar. No período da tarde, serão instaladas as classes hospitalares em Itabuna. O ato de implantação das Classes Hospitalares dos Hospitais Manoel Novaes e Calixto Mideledj será, às 14h, no auditório do Hospital Calixto Mideledj. Em seguida, às 16h, será inaugurada a Classe Domiciliar, no Grupo de Apoio a Criança com Câncer (GACC), no bairro de São Judas, e, às 17h, a Classe Domiciliar, no Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO), no bairro João Soares.  

O atendimento educacional especializado, personalizado e humanizado aos estudantes será feito por 14 professores da rede estadual de ensino que passaram por formação continuada em Classe Hospital/Atendimento Domiciliar, ministrada pela Secretaria da Educação do Estado. Este Serviço de Atendimento à Rede em Ambiências Hospitalares e Domiciliares (SARAHDO) já foi implantado no Hospital Roberto Santos, em Salvador, contando atualmente com 92 estudantes atendidos. Em Salvador, também são atendidos quatro estudantes em suas residências.



Serviço:

O que: Estado implanta Classes Hospitalares e Domiciliares no Sul da Bahia

Quando: Quarta-feira (26 de setembro)

Onde:

- Hospital Regional Costa do Cacau, às 9h

- No auditório do Hospital Calixto Mideledj, às 14h, será implantada as Classes Hospitalares dos Hospitais Manoel Novaes e Calixto Mideledj

- Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), às 16h

- Grupo de Apoio ao Paciente Oncológico (GAPO), às 17h

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑