Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Setembro Amarelo: Estudantes e professores dialogam sobre prevenção ao suicídio



Em alusão à campanha de prevenção ao suicídio conhecida como ‘Setembro Amarelo’, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia promoveu, nesta quarta-feira (19), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, a videoconferência ‘Sofrimento psíquico e suicídio: vamos falar sobre isso nas escolas?’. A atividade contou com a participação de especialistas das áreas da Educação e da Saúde, além de estudantes e professores, sendo transmitida para as telessalas localizadas nos 27 Núcleos Territoriais da Bahia (NTE).

Durante a conferência foram socializadas informações sobre o Programa de Apoio e Assistência à Saúde do Professor e do Estudante (Acolher), da Secretaria da Educação do Estado. O Acolher, que integrará todas as iniciativas em curso na rede, a exemplo dos programas Saúde do Professor e Saúde na Escola, tem como objetivo ampliar o atendimento educacional às unidades escolares por meio da convergência de ações pedagógicas e biopsicossociais. O programa considera as várias dimensões do ser humano: cognitiva, afetiva, política, histórica, social, emocional e comunicativa.

 “O Acolher tem como pressuposto o cuidado, possibilitando um bem-estar e a saúde plena e isso vai acontecer por meio de núcleos multidisciplinares composto por profissionais da área de Psicologia, Enfermagem, Nutrição, Fonoaudiologia e Pedagogia, para que possam estar nas unidades escolares e, a partir daí, estabelecer um diagnóstico e um acolhimento a esses estudantes”, explicou Silvia Fonseca, coordenadora do Acolher, ao destacar que parceria estão sendo firmadas com organizações governamentais e não-governamentais, assim como o Ministério Público, Defensoria Pública e universidades para o que ela chamou de “formação de uma rede de proteção para fazer os encaminhamentos devidos”.

Informações sobre o Programa Saúde na Escola também foram socializadas pelo coordenador de Educação Ambiente e Saúde da Secretaria da Educação do Estado, Fábio Barbosa. Segundo ele, na rede estadual, o programa envolve ações sociopedagógicas no âmbito da Educação para a Saúde, com vista à inserção da temática no Projeto Político Pedagógico (PPP) e nos planejamentos das diversas disciplinas do currículo escolar, promovendo de forma transversal e interdisciplinar a construção do conhecimento coletivo, contribuindo, com isso, para uma formação integral, integrada, integradora e, consequentemente, emancipatória dos estudantes. “O Programa é organizado para que seja desenvolvido durante todo o ano letivo nas escolas, fomentando, inclusive, o envolvimento das famílias, para que se tornem aliadas dentro do percurso educativo dos estudantes”, destacou.

O estudante Emanuel de Jesus Peixoto, 17, 1° ano, do Colégio Estadual de Aplicação Anísio Teixeira, também participou do diálogo. “Esse tipo de discussão é essencial para a prevenção ao suicídio, alertando os alunos sobre os riscos da depressão e de como buscar ajuda. O diálogo é essencial para se conseguir sair dessa situação. Na minha escola, eu criei o grupo conhecido como ‘Serviço de Atendimento Mental’ (SAM), com o propósito de ajudar colegas que sofrem de depressão através de conselhos”, revelou. Já a professora de Filosofia Adalice Santana, que leciona no Colégio Estadual Edvaldo Brandão Correia, afirmou que “os programas desenvolvidos pela Secretaria melhoram e fortalecem as atividades pedagógicas que fazemos em nossas unidades escolares”. 

O evento contou, ainda, com as participações da diretora de Gestão da Secretaria de Saúde do Estado (SESAB), Liliane Mascarenhas, do diretor de Atuação Básica da SESAB, Cristiano Sóstenes, da coordenadora do Núcleo de Estudo de Prevenção ao Suicídio (NEPS), da SESAB, além de Gabriel Ferreira, do IBGE.

Outra ação da Secretaria dentro da programação do Setembro Amarelo é o seminário ‘Suicídio e a linha do tempo da vida – relatos de experiências na infância e adolescência, no adulto e no idoso’. O evento acontece nesta quinta-feira (20), às 19h30, no Ápide Day, no bairro de Ondina.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑