Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Convênios de mais de R$835 mil são assinados durante Festa das Ostras, em Cachoeira

 A cidade de Cachoeira celebra neste fim de semana a 10º Festa da Ostra das comunidades quilombolas da Bacia e Vale Iguape. O evento teve início nesta sexta-feira (19), no Quilombo do Kaonge, e segue até domingo (21). O principal objetivo é a divulgação, o fortalecimento e a comercialização dos produtos dessas comunidades.

A festa conta com apoio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR). Nesta sexta-feira, o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, visitou o evento e assinou cinco convênios, por meio do edital de Quilombolas do projeto Bahia Produtiva, no valor total de R$835 mil, visando promover 100 projetos produtivos.

Segundo Dias, a Festa da Ostras é um evento que se consolida a cada ano e que demonstra a força do território quilombola Santiago do Iguape, no sentido de dar visibilidade a uma atividade econômica que ajuda na renda das famílias, tem grande expressão e está ganhando força ao longo do tempo: “Temos apoiado não só a festa, mas, também, com a instalação de uma unidade agroindustrial, que beneficiará e colocará a ostra no mercado. A cada ano, a festa vai fortalecendo a comercialização das ostras produzidas pelos quilombolas de Santiago do Iguape”.

Foram contemplados com os convênios as comunidades de Engenho São João, em São Félix, Engenho Novo, Kaonge, Dendê, Kalemba, Engenho da Ponte e Engenho da Praia, em Cachoeira; e Giral Grande, Guerem, Porto da Pedra, Guaraçu, Tabatinga e Dendê, em Maragogipe.

Segundo Wilson da Silva, presidente da Associação Quilombola do Engenho São João Anacleto Conceição, em São Félix, o convênio vai possibilitar a construção de uma unidade de beneficiamento de mandioca: “Chegamos a deixar de plantar mandioca por falta de uma casa de farinha. Com esse convênio, vamos construir uma casa de farinha de qualidade, completíssima. Assim, as famílias poderão voltar a plantar mandioca em maior quantidade, como plantava antes, e irão ter uma renda bem melhor”. Na comunidade serão beneficiadas diretamente 45 famílias.

Na comunidade de Engenho Novo, a previsão é que cheguem patrulhas mecanizadas, veículos utilitários e sistemas agroflorestais. Para o presidente da Associação Quilombola da localidade, Tito Farias, os equipamentos previstos no convênio irão viabilizar o escoamento da produção: “O Bahia Produtiva tá chegando para mudar nossas vidas”.

A programação da Festa das Ostras conta com a feira territorial de economia solidária com os empreendimentos do território do Recôncavo, oficinas, apresentações culturais, festa dançante e shows com artistas como Jau.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑