Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Exposição Gregórios encerra neste sábado (27)

Com fim da mostra, acervo dará lugar a memorial


Quem ainda não visitou a exposição Gregórios terá apenas até este sábado (27) para fazer uma imersão na vida do poeta Gregório de Mattos, este artista tão múltiplo e polêmico, que ganhou o apelido “Boca do Inferno” e inspirou a exposição que está em cartaz desde o último mês de janeiro na Galeria do Teatro Gregório de Mattos, com entrada franca. A visitação é das 14h às 19h.
A novidade boa é que, diante da sua relevância, a exposição não sairá de cena completamente. Será remodelada para ganhar formato de um memorial permanente, que será inaugurado em breve. Vale lembrar que a mostra também deu origem a diversos encontros do projeto Quintas Gregorianas, nascido com a proposta de fundir a poesia com outras linguagens para dar voz às minorias e tratar de temas sensíveis através da arte. A ultima edição foi realizada semana passada.
MUITAS FACES - Ter Gregório de Mattos ao alcance das vistas, ouvidos e mãos, como propõe a exposição, que tem caráter interativo, é ampliar as possibilidades de interpretação sobre sua obra que, de tão vasta, divide até hoje opiniões entre pesquisadores. A mostra estampa nas paredes palavras como ‘gênio’ e ‘racista’ ou, até, ‘santo’ e ‘misógino’, que dialogam entre si em uma dicotomia crítica para definições sobre o poeta.
No intuito de contextualizar sua obra e vida, a exposição reproduz de forma contemporânea sensações do ambiente seiscentista da velha São Salvador, criando uma atmosfera semelhante aos locais pelos quais o poeta passou ao longo da vida. Atrelada a painéis com fatos históricos, a Salvador do século XVII, por exemplo, é apresentada através de artifícios que mexem com os sentidos: iluminação, sons, imagens e texturas.
Outro elemento da exposição que ficará como legado para o local é estátua confeccionada em fibra de vidro pelo artista plástico baiano Tati Moreno, da mesma altura que tinha Gregório de Mattos Guerra e com um dispositivo vocal que permite, a quem se aproxime, ouvir trechos de poemas na voz do ator Jackson Costa. A escultura ficará permanentemente em frente ao Teatro Gregório de Mattos, na Praça Castro Alves, em um diálogo simbólico com a estátua de Castro Alves, outro grande poeta baiano.
Gregórios tem curadoria e conceito de Joãozito (in memorian), Lanussi Pasquali e Carla Zollinger, com cenografia de Renata Mota e textos de Raul Moreira, com produção da Multi Planejamento Cultural.
SERVIÇO:
Exposição GREGÓRIOS
Visitação: Até sábado (27)
Horário: 14h às 19h
Local: Galeria do Teatro Gregório de Mattos
Entrada gratuita


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑