Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Pirombeira faz show na Sala do Coro próximo dia 11 de dezembro

Após integrar programação de festivais em praça pública, o grupo apresenta um show especial para teatro, mostrando canções novas como “O Morro” e “Alameda Alfa”


Foto: Lorena Vinturini

Banda com um sólido trabalho autoral, a Pirombeira faz show na Sala do Coro do TCA próximo dia 11 de dezembro (terça-feira), 20h, e mais uma vez confirma a sua veia forte para a composição. A apresentação mescla inéditas e canções do primeiro álbum, Pirombeira (2017), mostrando ao seu público que, sim, a fertilidade musical do grupo anda gerando novos frutos que, em breve, pode culminar num projeto (show / álbum), inteiramente novo.
 
Entre as novidades está a canção “O Morro”, cujo single foi um dos 50 selecionados pelo Festival da Educadora. A música, composição de Gabriel Arruti (baixista) acaba de ganhar versão em clipe, que terá lançamento próximo dia 5 de dezembro. “Estamos numa fase de criação e de investir no lançamento de singles e clipes. A ideia é circular com essas músicas que estão surgindo e ir amadurecendo um novo repertório que, a médio prazo, pode resultar no nosso segundo álbum”, comenta o violonista e vocalista, João Mendes.
 
Outra canção inédita é “Alameda Alfa”, de Aline Falcão (teclado, sanfona e voz), que também deve ter seu single lançado em breve. João comemora o fato de música marcar a estreia de Aline como compositora dentro grupo, já que no primeiro álbum ela não assinou nenhuma canção. “Somos um grupo de compositores, estamos sempre criando e nos encontrando para amadurecer essa verve autoral de cada um”, diz ele.
 
O GRUPO - Nos últimos anos, o Pirombeira tem se destacado como um dos principais grupos da nova cena musical de Salvador. Em 2017, venceu duas das quatro principais categorias do Prêmio Caymmi de Música: Melhor Show e Melhor Música com Letra. O primeiro álbum da banda, Pirombeira (2017), foi indicado ao 18° Grammy Latino, como Melhor Projeto Gráfico de Álbum, no trabalho realizado pela artista visual Lia Cunha.
 
O Pirombeira é formado por Aline Falcão (teclado, sanfona e voz), Gabriel Arruti (baixo), Ian Cardoso (guitarra, viola caipira e voz), João Paim (percussão), João Mendes (violão e voz) e RubãoNazario (bateria).
 
Surgido em 2010, em uma reunião de amigos que deu origem ao Som de Zilda, projeto que transformava quinzenalmente o largo de São Lázaro em um ambiente de sociabilidade embalado pelo Pirombeira e convidados. Durante 4 anos o evento consolidou-se como um dos principais espaços da música independente e os reconhecimentos pelo trabalho artístico do grupo vieram naturalmente.
 
Com apenas um ano de formação, o Pirombeira venceu o 1º Festival de Música da UFBA. Em 2013, a composição Farinha foi premiada na Mostra SESC de Música. Em 2014 a banda foi selecionada para compor a I Coletânea Mapa Musical da Bahia. Em 2015, recebeu o troféu de Melhor Banda pelo Prêmio Caymmi de Música. O ano de 2016 foi marcado pelo sucesso com o financiamento coletivo para finalização do primeiro álbum. As 12 faixas do trabalho fazem um recorte histórico de quem é o Pirombeira.
 
PRIMEIRO ÁLBUM -Ouvidos atentos percebem que o disco – 100% autoral – expressa um diálogo de referências e experiências que cada integrante traz consigo e que ajudam a moldar a identidade do grupo. O regionalismo baiano, colocado pelos elementos de baião, frevo, chula e ijexá, conversa com a linguagem universal, trazida pelas referências de jazz, rock e asexperimentações. Ao mesmo tempo, canções, temas instrumentais e improvisos permeiam toda a audição.
 
Neste primeiro álbum, o grupo conseguiu representar toda a sua carreira. Faixas que já estavam no repertório dos shows do início do grupo estão ao lado de composições mais recentes. A maturidade musical que o grupo construiu também está colocada nos arranjos e na interpretação das músicas. O resultado é um disco autorretrato, um produto musical amplo e singular. Por isso o nome, Pirombeira.

Participações especiais de parceiros do grupo também estão no trabalho. Entre eles estãosCassio Nobre, Bando Cumatê, Luciano Almeida e Junix, que ajudaram a criar a sonoridade do trabalho. O disco também conta com um naipe de metais formado por Everaldo Pequeno, Levy Maia e Bruno Nery. Especialmente a faixa “Canastra” conta com as participações de João Teoria, Vinícius Freitas, André Becker e Ivan Sacerdote.
 
SERVIÇO
Show do grupo Pirombeira
Data: 11/12 (terça-feira)
Horário: 20h  
Local: Sala do Coro do TCA
Ingressos: R$30 e R$15

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑