Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Projeto de limpeza nas praias recolhe 56 toneladas de resíduos na Barra e Patamares

Ação acontecerá em Ipitanga e Praia do Flamengo no próximo final de semana

O sol que atraiu baianos e turistas para as praias do Farol da Barra e Patamares, neste final de semana, também favoreceu o trabalho de dezenas de voluntários que se uniram para dois grandes mutirões de limpeza dos ecossistemas. O trabalho do projeto "Praia Boa é Praia Limpa" foi realizado na Barra (sábado) e em Patamares (domingo), de onde foram retiradas 56,42 toneladas de resíduos. As ações promovidas pela Prefeitura através da Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), em parceria com o projeto Fundo Limpo, se repetirão na praia de Ipitanga, nesta sexta-feira (1º) e em Praia do Flamengo, no domingo (3).

Na Barra, foram 36 toneladas, além dos 200 kg retirados por mergulhadores do fundo do mar no Farol da Barra. As atividades se repetiram no domingo (27), na praia de Patamares, onde 20,42 toneladas de lixo foram recolhidas. Além da ação de coleta, educadores ambientais instalaram uma tenda para falar sobre coleta seletiva e a importância de preservar não apenas o mar, mas todo o ecossistema. Houve distribuição de materiais educativos e ainda canudos de macarrão - uma solução inteligente para o cidadão poder curtir sua água de coco ou outra bebida na praia sem precisar recorrer aos canudos convencionais ou biodegradáveis, que ainda assim levam tempo para se desfazer na natureza.

Um item que chamou atenção do público na praia foi um grande peixe de metal contendo dezenas de garrafas pets no interior, fazendo uma alusão ao ato nocivo de jogar lixo no mar e ao impacto dessa atitude sobre os animais marinhos. A visão da turista Anica Ureh, de 76 anos, ao passear pela orla da Barra, foi de espanto ao perceber a quantidade de lixo depositado na praia. "Há muito lixo nas praias, em todos os lugares que olhamos. As pessoas não preservam o lugar. É horrível para o meio ambiente e ainda tira a beleza da região", afirmou.

De acordo com o presidente da Limpurb, Leonardo Oliveira, são coletadas diariamente 45 toneladas de lixo nas praias de Salvador. Neste serviço atuam 156 agentes de forma rotineira. O gestor afirma que o trabalho vem sendo efetuado com afinco, mas alerta sobre a importância dessas ações que buscam orientar as pessoas. "Sábado iniciamos mais uma edição desse projeto que aconteceu ano passado. São diversas ações que têm o intuito de conscientizar a população de como descartar de maneira adequada seus resíduos. Para ter uma média, só nos contêineres subterrâneos aqui da Barra são recolhidas sete toneladas de resíduos sólidos por dia".

Trabalho diário - Na praia do Farol da Barra, 24 agentes atuam de forma fixa na limpeza, com auxílio de três tratores. Além das cestas padrão de lixo, presentes em diversos locais ao longo da praia, há ainda três pontos de contêineres subterrâneos para dar apoio ao movimento de limpeza da praia.

Parceria - As ações do projeto "Praia Boa é Praia Limpa" são fruto de uma parceria entre a Limpurb e o projeto Fundo Limpo, formado por um grupo de mergulhadores treinados e capacitados pela escola e operadora de mergulho Galeão Sacramento. Os voluntários recolhem do mar os resíduos sólidos e trazem para a superfície para que os materiais tenham o descarte correto feito pela Prefeitura. Além de Ipitanga e Praia do Flamengo, o projeto irá percorrer outros trechos da orla da capital baiana até o último fim de semana de fevereiro.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑