Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Show-documento #ComproVendoTrocoAMOR no Teatro Sesi Rio Vermelho

Projeto é idealizado pelo ator, performer, dramaturgo e diretor Luiz Antônio Sena Jr.
 

Depois do sucesso da estreia, o show #ComproVendoTrocoAmor volta a cartaz nos dias 12 e 13 de janeiro, às 20h, no Teatro Sesi Rio Vermelho, num show intimista para começar o ano evocando o amor. No show-documento o ator, performer, dramaturgo e diretor teatral Luiz Antônio Sena Jr leva a público suas histórias de amor. ““Nesse mercado de afetos é tempo de dizer eu te amo”, declara o multiartista.

#ComproVendoTrocoAmor é o compartilhamento de afetos escritos em cartas, músicas, imagens fotográficas e audiovisuais, textos e cenas interativas. É um grande documentário de amor a partir daqueles que protagonizaram narrativas na vida deste artista, desde ex-namorados, paqueras e “crushs”, até amigos e familiares. Um encontro com várias pessoas que passaram por seus 34 anos. 

Essas histórias são costuradas por músicas autorais e composições da música popular brasileira que evidenciam o amor. Nomes como Gal Costa, Milton Nascimento, Djavan e Alcione, assim como vozes da cena mais contemporânea (Silva, Mahmundi, Lagum e 5 a seco, entre outros) são revisitados.

Acompanhado dos músicos Anderson Danttas, Filipe Mimoso e Roquildes Júnior, Luiz Antônio transforma o show em um levante em que se busca o direito de existir, de amar e de viver uma relação como qualquer cidadão. “Queremos validar a homoafetividade, o amor entre pessoas do mesmo sexo”, realça o performer.

O show, que tem provocação cênica do iluminador e diretor teatral Marcus Lobo, busca evidenciar aquilo o que é amor na concepção de Luiz Antônio Sena Jr. e o que tange as relações homoafetivas. “As pessoas serão tocadas pois todo mundo já teve um desamor, uma relação platônica que nos tirou do chão. Queremos falar também das relações flashs. Marcou, registrou e passou a ser memória”, descreve Marcus Lobo.

Lobo acrescenta que esse trabalho parte do íntimo de Luiz Antônio em compartilhar momentos de amor mútuo. “Apesar de estarmos falando sobre propostas de amores, desamores, pré-amores, de amores que não são amores, o mais importante desse show é essa vontade de dizer que o amor ainda é uma parcela da nossa existência e de troca com o outro”, destaca.

Apesar do show ter uma dramaturgia baseada em suas histórias, Luiz Antônio Sena Jr. se baseia na poética do teatro documentário, em que se fricciona realidade e ficção, para torná-lo mais coletivo. Um dos objetivos é proporcionar ao público espaços em que se possa enxergar o amor acima das diferenças de gênero e orientação sexual.

“Como eu acabo sendo um documento do mundo sob a ótica do amor? A ideia é que as pessoas cheguem e vejam alguém que partilha suas narrativas para que juntos possamos acreditar na possibilidade de amar e ser feliz, de construir um território para todo e qualquer cidadão que queira amar”, ressalta o ator.
 
É SÓ AMOR³
#ComproVendoTrocoAmor é a segunda de três etapas do projeto É SÓ AMOR³, contemplado pelo edital Arte Todo Dia - Ano IV, Bairro a Bairro, da Fundação Gregório de Mattos - Prefeitura de Salvador. Todo o projeto é baseado na arte documental e é atravessada por diversas linguagens artísticas - artes visuais, teatro, música, dança e performance.
 
Serviço
O quê:  #ComproVendoTrocoAMOR - show-documento com Luiz Antônio Sena Jr.
Quando: 12 e 13 de janeiro, às 20h
Onde: Teatro Sesi Rio Vermelho
Quanto: Pague Quanto Puder
 

REPERTÓRIO
Palavras do Corpo - Gal Costa
A cor é rosa - Silva
Dia branco - Geraldo Azevedo
Um amor puro - Djavan
Garotos e garotas - Roquildes Júnior
Um girassol da cor de seu cabelo - Milton Nascimento
Qual é a sua? - Mahmundi
Ei, moço - Luiz Antônio Sena Jr.
Deixa - Lagum
Você me vira a cabeça - Alcione
Disk me - Pabllo Votar
Pensando bem - 5 à seco
Namora eu - Luiz Antônio Sena Jr.
Deusa do amor - Olodum
Minha história - Timbalada
Diga sim pra mim - Isabella Taviani
A noite - Tiê
Zero - Liniker e os Caramelows
Não aprendi dizer adeus - Leandro e Leonardo
Felicidade - Mahmundi
 
FICHA TÉCNICA SHOW
Concepção e Roteiro: Luiz Antônio Sena Jr.
Direção: Marcus Lobo
Voz: Luiz Antônio Sena Jr.
Guitarra e Coro: Roquildes Jr.
Programações e Sintetizadores: Filipe Mimoso
Percussão e Coro: Anderson Danttas
Direção de Imagem, Vídeos e Fotos: Giovani Rufino
Iluminação: Marcus Lobo
Cenografia: Luiz Antônio Sena Jr. e Marcus Lobo
Figurino: Tina Melo
A Banda veste: Euzaria
 
FICHA TÉCNICA PROJETO
Provocação: Thiago Romero
Coordenação de Produção: Luiz Antônio Sena Jr.
Produção Executiva: Bergson Nunes
Assessoria de Imprensa: Théâtre Comunicação
Designer Gráfico: Diego Moreno
Registro Audiovisual: Mayara Ferrão
 
Artista – Perfil
Idealizador do projeto, Luiz Antônio Sena Jr. é bacharel em Artes Cênicas pela Escola de Teatro da UFBA com habilitação em Interpretação Teatral e estudante do curso de Pós-Graduação em Gestão e Políticas Culturais pela UFRB. Atualmente, integra A Outra Companhia de Teatro, onde além de ator também é diretor e produtor, desenvolvendo ainda ações de dramaturgia e iluminação.
Como ator, trabalhou com diretores de reconhecido mérito como Harildo Déda (As bruxas de Salem), Thiago Romero (Menu e O que de você ficou em mim), Adelice Souza (Bagagem), Cristina Castro (José ULISSES da Silva), Fernando Santana (Frida Kahlo), Fernanda Júlia (Senzalas), Vinício de Oliveira (Arlequim e O Contêiner), Marcelo Souza Brito (Luz), dentre outros.
Enquanto diretor, destacam-se os espetáculos SERTÃO, Ruína de Anjos, O que de você ficou em mim, Remendo Remendó (pelo qual foi indicado a Revelação no Prêmio Braskem de Teatro, pela direção) e Mar me quer.
Na área de produção, desenvolve ações de gestão e produção nas áreas de teatro e dança, a exemplo dos projetos ENXERGUE! sonhos, memórias e declarações d’A Outra Companhia; Circulação nacional d’A Outra Companhia de Teatro no Palco Giratório 2017; VIVADANÇA Festival Internacional. Produziu também os espetáculos Madame Satã (2018), Mundaréu (2017), Desviante (2017), Menu (2016), Anoitecidas (2016), Kaiala (2016), Sobre a Pele (2016), Rebola (2016), Ruína de Anjos (2015) e mais de uma dezena de montagens.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑