Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 2 de fevereiro de 2019

Fotos Exposição 90 Olhares para Matilde - Assembléia Legislativa

Depois de três edições realizadas, uma em 2017 (Atelier Leonel Matos) e as outras duas em 2018 (Galeria Fast Frame e Espaço Di Mercatto) a exposição itinerante “90 Olhares para Matilde - 90 Anos de Vida”, vai ficar aberta à visitação pública de 04 a 15 de fevereiro no Espaço Cultural Josaphat Marinho na Assembléia Legislativa do Estado da Bahia. 

A exposição tem curadoria e produção de Claudine Toulier (filha de Matilde) e Leonel Mattos e reúne obras de 90 artistas em pinturas, esculturas e objetos com diversas técnicas, que foram doadas por esses artistas numa forma de homenagear a crítica de arte Matilde Matos, que tanto fez pela carreira de artistas famosos e iniciantes, entre eles, César Romero, Bel Borba, Murilo, Edison da Luz, Justino Marinho, Sérgio Rabinovitz, Terciliano Jr, J Cunha, Fernando Oberlaender, Graça Ramos, Guache Marques, Gil Mário, Jair Gabriel, Darlene Bezerra, Giovana Dantas, Chico Mazzoni, Leonel Mattos, Ramon Rá, Elenilton Café, André Dragão, Neidja Bombola e Aldinho Mendonça. 

Do mesmo jeito que as outras edições, a renda dessa exposição será revertida para a saúde de Matilde Matos, que em maio fez 91 anos de idade. A visitação está aberta de segunda a sexta das 09 h às 17h. 

Matilde Augusta de Matos nasceu em 1927, em Caicó, no Rio Grande do Norte, e fixou residência, em 1933, na Bahia, de início, em Serrinha e Feira de Santana e, a partir de 1943, passou a residir em Salvador. Em 1959, passou a assinar crônicas no Jornal da Bahia, coluna que manteve até 1962, quando foi morar no Rio. Em 1968, voltou para a Bahia e para o Jornal da Bahia, onde tinha uma coluna que saía aos domingos e abordava assuntos artísticos e culturais. Fazia entrevistas, reportagens, comentava os trabalhos dos artistas e divulgava a arte que se fazia à época. Fez inúmeras críticas e centenas de apresentações para catálogos de diversos artistas, publicou a obra Fernando Oberlaender – Pintura e Tradução Poética, em 2001, o livro de crônicas A Cidade e as Gentes em 2004, 50 Anos de Arte na Bahia, em 2010, e Água Reflexo da Arte na Bahia, em 2012. Em 2014, fez a doação da “Coleção Matilde Matos” com 80 obras para o Estado da Bahia, que estão abrigadas no Palacete das Artes. 

Segundo o artista e crítico César Romero: "Matilde sempre esteve longe dos preconceitos, seja na arte, seja na vida. Sua ampla liberdade em ser, pensar e atuar eram exemplos para os artistas. Sempre falava que seu maior critério era a qualidade de um criador". 


SERVIÇO
O que: Exposição itinerante ““90 Olhares para Matilde - 90 Anos de Vida” com trabalhos de vários artistas plásticos
Local: Assembléia Legislativa da Bahia – Espaço Cultural Josaphat Marinho - Paralela
Período: segunda a sexta das 9h às 17h
Entrada franca

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑