Seja bem-vindo. Hoje é

sábado, 16 de março de 2019

Salvador e outras cidades baianas recebem Festival Internacional de Arte de Rua

Até o dia 23 de março, Salvador e outras cidades do interior do estado recebem o 15º Festival Internacional de Artistas de Rua da Bahia. Com apoio do Governo do Estado, o evento, que teve início na quinta-feira (14) no Largo do Santo Antônio Além do Carmo, reúne grupos nacionais e internacionais em apresentações de música, teatro, poesia, dança, acrobacia, palhaços, entre outros. As performances são gratuitas mas o público está livre para contribuir com quanto quiser. 

"Além de Salvador, Lençóis, Alagoinhas e Madre de Deus recebem o Festival, que tem como objetivo levar para o público todo o encantamento e beleza da arte de rua nas mais variadas formas de expressão. Em 2019, o evento está fazendo 15 anos, e  essa longevidade comprova o quanto o festival é querido pelo público. São apresentações para toda a família e agradam todas as idades, sempre de forma lúdica ", explicou a diretora geral do Festival de Rua, Selma Santos.

O aposentado Ubiratan Santos curte o festival há quatro anos. "É muito legal, eu venho sempre que fico sabendo. Acho muito importante que os espaços públicos sejam ocupados com eventos assim, com arte que agrada sem precisar ser ofensiva, que é leve e divertida. A população precisa muito disso. Ainda mais por ser aberto e gratuito, então todos podem se divertir, mas quem tiver condições pode doar qualquer valor para fortalecer o trabalho dos artistas".

Em Salvador, a programação continua nesta sexta-feira (15), no Largo do Santo Antônio Além do Carmo, e domingo (17), no bairro da Ribeira. O público também poderá curtir a arte de rua nas cidades de Madre de Deus, no sábado (16); no município de Alagoinhas, nos das dias 19 e 20 de março; e no município de Lençóis, na região da Chapada Diamantina, nos dias 22 e 23.  A programação completa pode ser conferida na página do evento www.festivalderua.com.

Apoio

O Festival Internacional de Artistas de Rua da Bahia começou em fevereiro de 2002 e é um projeto selecionado pelo Edital Eventos Calendarizados, com apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura e das secretarias da Fazenda (Sefaz) e de Cultura (Secult). "Esse edital visa apoiar projetos de médio e grande porte com o objetivo principal de formar um calendário que envolva os diferentes municípios do Estado, ajudando a conectar a Bahia mundialmente no quis diz respeito as artes e as performances de um modo geral", explica Alexandre Simões, superintendente de Promoção Cultural da Secult.


Repórter: Tácio Santos

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑