Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 13 de agosto de 2019

Escorpião segue em cartaz na Sala do Coro do TCA até 18 de agosto


O teatro-filme Escorpião segue em cartaz até 18 de agosto, de quinta-feira a domingo, às 20h, na Sala do Coro do Teatro Castro Alves (TCA). O espetáculo, baseado no texto do autor paulista Felipe Greco, é mais uma montagem da ATeliê voadOR.

O enredo da peça é uma farsa de sujeitos que estabelecem entre si um jogo de ocultação/revelação do desejo, envolvendo tensões/tesões de Boris e Edu, personagens centrais da história. Escorpião é uma espécie de ficção etnográfica outsider, cruel e perversa, marcada por masculinidades precárias. 

Boris (Duda Woyda) é um ex-presidiário que mantém relações sexuais com mulheres, homens e travestis por algum retorno financeiro. O envolvimento em um crime o aproxima de Edu (Gleison Richelle). O encadeamento das ações irá revelar quem é quem nessa história de suspense.

A encenação de Escorpião é claustrofóbica e expõe as personagens num espaço paradoxal carregado de surpresas, mistérios, revelações e peripécias. O espetáculo-filme revela personagens complexos que transitam incógnitos pelo submundo a vivenciar desejos encobertos e enfrentar dramas pessoais. Fetichismo, homofobia, masculinidade precária e machismo tóxico são alguns dos temas abordados pela peça.

O espetáculo estende o termo ‘aqui e agora’ do teatro convencional, para algo parecido com ‘aqui/agora/antes/depois’ desse teatro estendido. Após a peça, através de um QR Code, o público tem acesso a outros elementos da história não revelados no teatro, ou seja, quando o espetáculo encerra no teatro, continua fora, na tela do celular.

Encontro
Uma experiência cênica visual e sonora. Escorpião é uma obra que só foi possível graças ao encontro da ATeliê voadOR com o Coletivo SALVA! - Coletivo soteropolitano de audiovisual - e o COATO Coletivo – responsável pela preparação corporal dos atores.

O Coletivo SALVA! e o COATO Coletivo reúnem nomes como Douglas Oliveira (Roteiro e Direção do filme), Giovane Rufino (Direção de Fotografia e captação de imagens), Danilo Lima (preparação corporal), Cassius Cardoso (tralha sonora original), Luis Santana (figurino e composição visual), Allison de Sá (iluminação cênica), Clarissa Oliveira (direção de Arte), Aianne Bilitário (cenografia), que produziram uma peça de teatro e um filme que, em dado momento, se unem.



Serviço
O quê: Escorpião – espetáculo de teatro-filme
Quando: 08, 09, 10, 11, 15, 16, 17 e 18 de agosto - de quinta a domingo, 20h
Onde:Sala do Coro do Teatro Castro Alves 
Quanto: R$ 30(inteira) e R$ 15(meia) – ingressos antecipados no site www.ingressosrapido.com.br

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑