Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 10 de setembro de 2019

Assassino de jovem em Porto de Sauípe ainda não foi localizado (Atualizada)

Stephanie Viana, de apenas 20 anos, foi assassinada a golpes de faca neste domingo (8), na praça de Porto do Sauipe, região metropolitana de Salvador. Um amigo que estava com ela no momento da abordagem, também foi atingido. A família suspeita e aponta o ex-marido da vítima como o principal suspeito do crime.


Durante uma entrevista a um site, Jane Conceição Viana, tia da vítima, informou como foi o crime. “Minha sobrinha estava de folga, ela trabalhava como supervisora de garçons no resort Costa do Sauipe e morava em uma pousada na orla, no município de Entre Rios, no Litoral Norte. Stephanie estava na praça com o amigo, quando o ex-marido dela chegou, esfaqueou o colega de trabalho dela e disse para a minha sobrinha não correr. Depois de golpear o rapaz no pescoço, esse monstro partiu para matá-la. Ela foi atingida também no pescoço e no coração. Ele assassinou minha sobrinha no meio da praça.”, conta.


Stephanie havia terminado um relacionamento de 5 anos com o suspeito há 3 meses e nunca imaginou que entraria para as estatísticas do feminicídio.


Ainda de acordo com as informações da tia, Stephanie e seu amigo (ainda não identificado), foram socorridos e conduzidos imediatamente para o Hospital Geral de Camaçari (HGC) e o suspeito rapidamente fugiu. 

Jacimeire, mãe da vítima, soube do acontecido logo em seguida, rapidamente chegou ao local e encontrou a filha e o amigo já dentro da ambulância, recebendo os primeiros socorros. Ela contou que a filha vivia um relacionamento abusivo com o ex-marido e, de acordo com ela, o homem era José William Almeida, de 25 anos, que trabalha com serviços gerais. Meire (como prefere ser identificada) conta que a filha foi morar com José aos 15 anos, pois havia saído para fazer uma viagem e quando voltou, não encontrou mais a Stephanie, ele teria passado na casa dela, levando-a embora. Durante um ano, ninguém sabia onde Stephanie morava. 

Depois de ter ido embora com José, a jovem passou a ser rebelde e agressiva. Ainda segundo a mãe da vítima, Stephanie dizia que o relacionamento era bom, mas, na verdade, o ex-marido batia e maltratava a companheira. “Minha filha dizia que amava ele e que ele era o homem da vida dela. Mas ela tinha medo dele e nunca denunciou o marido”, disse.


Stephanie infelizmente não resistiu aos ferimentos e chegou ao hospital sem vida, enquanto o seu amigo está internado ainda em estado grave.

Parentes da menina estão no Instituto Médico Legal (IML), em Salvador, para liberar o corpo da jovem, mas ainda não informaram o dia e o local do sepultamento.


Segundo informações de Jane, a família ainda não registrou queixa porque todos ainda estão muito abalados com o caso. Amigos e familiares da jovem lamentaram sua morte e manifestaram solidariedade através das redes sociais.


Por nota, a Polícia Civil informou que Equipes da Delegacia Territorial de Entre Rios investigam o feminicídio de Stephanie Viana Pinheiro e a tentativa de homicídio do seu amigo, ambos esfaqueados, no domingo (8), naquele município. O principal suspeito é o ex-marido dela, ainda não localizado pela polícia.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑