Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 17 de setembro de 2019

Casal é executado a tiros dentro do carro no Cabula

O crime aconteceu na Estrada das Barreiras, nessa segunda-feira (16), por volta das 17hs, em Salvador. Os Suspeitos se aproximaram em uma moto e efetuaram cerca de 10 disparos no casal, na principal avenida do bairro, em plena luz do dia, no meio do trânsito.

Segundo a Polícia Militar, o barbeiro Marcos de Jesus Cunha, de 36 anos, e uma menina, ainda não identificada, que aparentava ter seus 14 anos, estavam passando entre o supermercado “Todo Dia” e um posto de combustível num Fiat Cronos preto, quando de repente foram surpreendidos por dois homens armados na moto, que atiraram e fugiram logo em seguida do local.

As vítimas morreram imediatamente e os dois sentidos da via ficaram congestionados durante aproximadamente 5 horas. Um rapaz que mora por perto e estava no local, exatamente no momento da execução, contou tudo que viu:

“Passaram dois homens em uma moto preta e atiraram várias vezes. Foram cerca de dez disparos. Depois eles passaram aqui pela frente e foram embora, guardando a arma, como se nada tivesse acontecido”, disse. O morador preferiu não revelar sua identidade.

Para a Polícia, a suspeita inicial é de que o crime tenha relação direta com o tráfico de drogas. “O que sabemos é que ele é morador do bairro da Sussuarana e, infelizmente, suspeito de total envolvimento com o tráfico de entorpecentes.”, relatou o subcomandante Conceição, da 23° Companhia Independente (CIPM/Tancredo Neves).

A área foi isolada para o Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc) remover os corpos e realizar a perícia. Além disso, o Núcleo de Operações Assistidas (NOA) informou que o trânsito no local ficou congestionado nos dois sentidos: Cabula e Mata Escura.

Familiares da esposa de Marcos, que não quiseram falar muito sobre o assunto, disseram acreditar que a segunda vítima seria uma suposta amante do barbeiro. Já a família da menina não foi encontrada no local para confirmar as informações.

Emocionados e ainda incrédulos com o duplo homicídio, os familiares de Marcos não quiseram falar com a reportagem. Após a chegada da equipe de Serviço de Investigação em Local de Crime e o início da perícia, os parentes não conseguiram segurar o choro e se abraçaram.

Antes, eles estavam sendo ouvidos pela delegada Cristina Portugal, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa. “Estamos buscando informações para depois a delegada que assumirá o caso ouvir as possíveis testemunhas”, pontuou.

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.

Colaboração: Van Amorim

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑