Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Dia D da Inclusão Profissional oferece 900 vagas para pessoas com deficiência

No Terminal Rodoviário de Pituaçu, em Salvador, a sexta edição do Dia D da Inclusão Profissional atraiu, na manhã desta quinta-feira (26), centenas de pessoas com deficiência interessadas em uma das 900 vagas de emprego oferecidas por mais de 60 empresas. O mutirão segue até às 17h e para participar é preciso levar RG, CPF, comprovante de residência atualizado e Carteira de Trabalho.

A ação é um esforço conjunto da Secretaria do Trabalho, Emprego Renda e Esporte (Setre) e da Secretaria de Justiça Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) com apoio do Ministério Público do Trabalho, Superintendência Regional do Trabalho e Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

"Apesar de o Dia D ter sido desarticulado nacionalmente, o Governo do Estado, através da Setre, em parceria com a SJDHDS e outras entidades, manteve o Dia D porque entendemos as dificuldades econômicas e desemprego no Brasil, especialmente para as pessoas com deficiência ou aquelas que foram reabilitadas do INSS. Nós construímos esse dia porque aqui nós vamos proporcionar a relação direta dos interessados com a oportunidade do mercado de trabalho", explicou o secretário da Setre, Davidson Magalhães.

O evento conta também com o apoio do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), Sistema Nacional de Emprego (Sine) e Sinebahia e integra as atividades da Agenda Bahia do Trabalho Decente. "É um dia importante para a sociedade para mostrar que a pessoa com deficiência é um profissional como outro qualquer e precisa de oportunidade. A nossa expectativa é que, até o final do dia, novecentas pessoas estejam com seu emprego", acrescentou o titular da SJDHDS, Carlos Martins.

O Dia D acontece em função do Setembro Verde, campanha que mobiliza a sociedade para dar visibilidade e inclusão social à pessoa com deficiência. "Para nós é uma grande satisfação hoje ver tanta gente aqui e, sobretudo, as pessoas com deficiência tendo oportunidade para acessar o mercado de trabalho. Entendemos que o direito ao trabalho é o direito das pessoas terem cidadania", afirmou o superintendente dos direitos da pessoa com deficiência da SJDHDS, Alexandre Baroni.

A recepcionista Elis Santana está desempregada há dois anos e conseguiu um encaminhamento durante o Dia D. "É um boa oportunidade, ver uma feira dessa, deste tamanho e com tantas pessoas que se deslocam até aqui para ver essa porta se abrir. Estou com esperança", contou.

Durante o evento, também é possível tirar o Passe Livre Intermunicipal e emitir a Carteira de Trabalho. Ainda dá para se inscrever em cursos profissionalizantes na área de informática e língua portuguesa.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑