Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Ação educativa conscientiza sobre perigos do transporte escolar clandestino



A Secretaria de Mobilidade (Semob) realiza, até o final de novembro, ações educativas para coibir o transporte clandestino nas escolas da capital baiana. Neste período, 22 datas estão previstas para a realização de ações semelhantes em diversos pontos da cidade. 

Nos últimos dias, a ação educativa passou pelas escolas Adventista (Nazaré), Nossa Senhora do Resgate (Cabula) e Colégio das Mercês (Mercês). Em média são impactadas 50 pessoas por ação. A intervenção mais recente aconteceu na  Escola Dorilândia, no bairro de Ondina. Com o "Agente Cidadão", um boneco que visa abordar o assunto com ludicidade junto às crianças, os profissionais da pasta distribuíram de material educativo aos pais, e transmitiram informações sobre a importância de sempre contratar um transporte regulamentado.

O titular da Semob, Fabio Mota, destacou que ação fiscalizatória e educativa garante tranquilidade aos pais e as crianças. “A melhor forma de garantir a segurança do transporte escolar é fiscalizando. A secretaria, com essa ação, mostra para a sociedade que os carros precisam preencher requisitos básicos de segurança e essa segurança nos dá tranquilidade de poder colocar nossos filhos no transporte escolar sem nenhuma preocupação” explicou. 

De acordo com dados da Coordenadoria de Transportes Especiais (Cotae), vinculada a Semob, de janeiro a outubro deste ano mais de 100 veículos que estavam atuando irregularmente com transporte escolar na cidade foram conduzidos ao pátio. Atualmente, há aproximadamente mil veículos autorizados a atuar com transporte escolar em Salvador.

Para o coordenador da Cotae, Clemilton Almeida, o principal ganho com as ações vai para as famílias que se munem de informações e entendem a necessidade de buscar o serviço regulamentado. “É importante se conscientizar de que devem usar o serviço pois os veículos inspecionados passam por uma análise criteriosa”, frisou.

Os veículos autorizados a explorar a atividade na cidade passam por duas vistorias anuais que analisam aspectos como a documentação do condutor e do veículo além de itens de segurança como pneus, condições dos bancos e tacógrafo.   


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑