Seja bem-vindo. Hoje é

segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Estudo sobre captura de carbono em manguezais do Recôncavo Baiano vira livro

Resultado será lançando durante seminário em Maragogipe

O projeto CO2 Manguezal lançará o livro CO2 Manguezal Estudos Científicos, que traz o resultado da investigação sobre captura e estocagem de carbono realizada em áreas de manguezais no Recôncavo Baiano. O lançamento faz parte da programação do Seminário para Apresentação dos Resultados Finais das ações do projeto, que será realizado no dia 12 de dezembro (quinta-feira), às 9h, na sede da Fundação Vovó do Mangue, em Maragogipe. O evento consolida o ciclo de dois anos de patrocínio Petrobras e aberto ao público com entrada gratuita.

Coordenado pela professora doutora em biologia vegetal da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Alessandra Nasser Caiafa, o livro reúne estudos realizados por seis pesquisadores ligados ao Laboratório de Ecologia Vegetal e Restauração Ecológica (LEVRE). Além da pesquisa sobre a capacidade de captura e estocagem de carbono da atmosfera em manguezais de Maragogipe e São Francisco do Conde, o livro traz também estudos sobre a contribuição de áreas de mata atlântica e seu componente ciliar para a conservação dos manguezais. O manguezal é um ecossistema úmido que tem chamado a atenção de órgãos internacionais quanto a importância da captura de carbono (blue carbon).

Voltado para parceiros, estudantes, pesquisadores e interessados na temática ambiental, o Seminário apresentará também os resultados obtidos pelas ações desenvolvidas pelo projeto CO2 Manguezal no biênio 2018-2019, tanto na área de reflorestamento e conservação, que inclui produção de mudas, replantio e limpeza de manguezais, quanto às atividades de educação ambiental. 

Projeto CO2 Manguezal - Patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, o projeto é executado pela Fundação Vovó do Mangue e tem foco na educação ambiental, reflorestamento e conservação de manguezais. O projeto já recuperou mais de 8 hectares de áreas degradadas de manguezal em Maragogipe e São Francisco do Conde e produziu mais de 50.000 mudas de três espécies de mangue. O projeto tem ainda o apoio da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), através do Laboratório LEVRE, e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Fundação Vovó do Mangue - Com 22 anos de experiência na realização de projetos socioambientais, a Fundação Vovô do Mangue é uma organização não-governamental, com sede em Maragogipe/BA, no Recôncavo Baiano. Além de atuar no reflorestamento e conservação de manguezais, já desenvolveu projetos nas áreas de educação, cultura, esporte e inclusão socioprodutiva.



Serviço:

Lançamento do Livro CO2 Manguezal Estudos Científicos

Dia e hora: 12 de dezembro às 9h

Local: Fundação Vovó do Mangue – Praça Conselheiro Antônio Rebouças, 16 - Maragogipe (BA)

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑