Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Redes de franquias voltam a crescer dentro de shoppings centers

Segmentos de alimentação, beleza, estética e educação são preferidas por atrair o público

A presença das redes de franquias nos shoppings, em especial aquelas que atuam nos segmentos de alimentação, beleza, estética e educação, voltou a crescer em 2019. Foi o que revelou o estudo realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), que constatou uma maior participação das redes nos malls como endereço dos pontos de vendas, passando de 21,5% em 2018 para 24,9% este ano.

Entre os motivos para esse crescimento é que os shoppings fizeram um reajuste do mix de lojas, visando atrair mais consumidores e aumentar o fluxo de visitantes. Em contrapartida, ofereceu às redes descontos pontuais e uma maior flexibilização nas negociações dos aluguéis, além da diminuição no custo total de ocupação (CTO), que envolve as principais despesas como aluguel, condomínio, fundos de marketing e promoção.

Por outro lado, as redes adotaram estratégias e modelos de negócios mais práticos e acessíveis, que proporcionaram uma redução nas despesas e um ganho de eficiência operacional. De acordo com o estudo da ABF, os formatos de franquias no modelo quiosque tiveram um crescimento de 6,5% em 2018 e em 2019 chegou a 8,6%.

No segmento de alimentação, a Slice Cream, primeira rede de gelato fatiado e que oferece um cardápio de produtos instagramáveis, como bebidas artesanais com a impressão de fotos dos clientes, entrou este ano para o franchising com seu modelo de quiosque e deve encerrar o ano com 10 unidades negociadas. A Casa de Bolos, pioneira no segmento de bolos caseiros, é outra rede que adaptou um modelo de quiosque, o ‘Bolo Caseiro no Pote’, utilizando toda sua tradição e um conceito bem definido, o grab and go, uma proposta em que o consumidor ‘pega e vai’, ou seja, compra um potinho do bolo e pode comer enquanto passeia pelo shopping.

A Boali, rede alimentação saudável, que tem 18 unidades dentro de shoppings centers espalhados pelo País, está implantando novos canais de autoatendimento,  que funcionam como um complemento extra para o franqueado que opera quiosques ou lojas dentro do mall. Já, a Chocolateria Brasileira, franquia de chocolates finos, vem aumentando sua presença nos shoppings com um modelo de quiosque com cafeteria, onde é possível degustar bebidas quentes e geladas, além de sobremesas criadas pelo chocolatier Christian Neugebauer. 

A estratégia dos shoppings em incorporar redes que prestam serviços de beleza, estética e educação, surtiu um bom resultado no ano de 2019. O setor de franquias responde por 2,6% do PIB brasileiro, isso contando com os  modelos de negócios em quiosque e em formato de lojas físicas. Por exemplo, na área da estética, a Doctor Feet é a maior rede de serviços de cuidados para os pés e venda de produtos médicos e ortopédicos presente em shoppings centers. Pioneira no segmento, a franquia está há 21 anos no mercado e conta com mais de 80 lojas físicas, em 14 estados brasileiros.

No setor de educação, a Park Idiomas, rede de franquia de escolas de inglês e espanhol, trouxe recentemente para dentro dos shoppings uma nova operação: o Lounge Park. Em formato de quiosque, com paredes de vidro situadas no meio do corredor, o modelo está alinhado com a premissa da rede que é o de oferecer um ambiente de descompressão capaz de facilitar o ensino de outra língua e promover um aprendizado mais natural e eficaz, garantindo a fluência do segundo idioma com apenas 140 horas de estudo. Atualmente, com 80 unidades, a rede oferece outros formatos que também podem ser montados dentro do mall.


0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑