Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 3 de dezembro de 2019

SJDHDS e SEI realizam pesquisa sobre o perfil dos usuários do Passe Livre

As superintendências dos Direitos da Pessoa com Deficiência, da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS), e de Estudos Econômicos e Sociais (SEI) estão realizando, desde fevereiro deste ano, uma pesquisa sobre o perfil dos usuários do Passe Livre Intermunicipal do estado, benefício que assegura gratuidade no sistema de transporte coletivo intermunicipal, nos modais rodoviário, ferroviário, aquaviário e metroviário da Bahia às pessoas com deficiência comprovadamente carentes.

Nesta segunda-feira (2), técnicos da SEI estiveram na SJDHDS, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, para dar início a quarta e última parte da pesquisa, com apoio da Central de Intérpretes de Libras da Bahia (Cilba), vinculada à SJDHDS: entrevistar surdos e pessoas com deficiência auditiva por chamada de vídeo, via aplicativo de chat, usando a Língua Brasileira de Sinais.

Segundo o superintendente dos Direitos da Pessoa com Deficiência da SJDHDS, Alexandre Baroni, utilizar as Libras nas entrevistas é uma situação inédita na Bahia, uma vez que o questionário é aplicado através do call center da Ouvidoria, não contemplando os cidadãos não ouvintes. “Temos o grande desafio, enquanto Estado, de garantir comunicação acessível e políticas públicas acessíveis para surdos e pessoas com deficiência auditiva. Adotar essa metodologia é um passo importante para consegui-las”, pontuou.

Além de traçar o perfil dos beneficiários, a pesquisa, que possui grau de confiança de 95%, tem o objetivo de identificar possíveis melhoras no serviço prestado, a partir das necessidades apontadas pelos cidadãos e dos métodos que podem ser utilizados para assegurar a efetividade do atendimento.

“Definimos que a melhor metodologia era entrevistar diretamente o beneficiário, pois impacta nos resultados da pesquisa. Com a ajuda dos intérpretes de Libras, poderemos colocar isso em prática”, comentou a técnica Lívia Sousa, da Coordenação de Pesquisas Sistemáticas e Especiais (Copese) da SEI, responsável pelo estudo.

Até novembro deste ano, 1.189 usuários do Passe Livre com deficiência física, visual e intelectual, de mais de 22 municípios baianos, foram entrevistados, através de um questionário contendo 26 perguntas sobre o perfil, motivo da utilização do benefício e dados sobre trabalho e renda dos beneficiários. A maioria dos entrevistados se reconhece como sendo do gênero masculino (60,1%), menor de 18 anos (27,8%), pardo (53,7%) e com Fundamental incompleto (40,6%). A previsão é de que a etapa da pesquisa com surdos e pessoas com deficiência auditiva esteja concluída até meados de dezembro.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑