Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 3 de março de 2020

Projetos de voluntariado reforçam ações contra efeitos das chuvas

Ainda que o período mais chuvoso do ano não tenha chegado na capital baiana - geralmente ocorre a partir de abril até junho -, é possível somar esforços junto à Defesa Civil de Salvador (Codesal) para o fortalecimento de ações preventivas contra riscos e desastres provocados pelas precipitações, a exemplos de deslizamentos de terra e alagamentos. As iniciativas realizadas pelo órgão municipal em combate a essas situações contam com a participação da população através de projetos contínuos de voluntariado. 

Mais de mil voluntários já foram capacitados pela Codesal por meio de iniciativas como Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil (Nupdec), projeto Mobiliza e parcerias com instituições de ensino superior. Também há colaboradores formados pela demanda espontânea. Ou seja, quem quiser ser um voluntário pode preencher um formulário disponível no site da Codesal, no endereço www. codesal. salvador. ba. gov. br , e entregá-lo na sede do órgão, na Avenida Mário Leal Ferreira (Bonocô). 

No caso do Nupdec, a atividade acontece com moradores que vivem em áreas de risco, isto é, locais onde há encostas e vales. Um dos objetivos do núcleo é trazer para as comunidades a percepção dos fatores de riscos presentes. Os inscritos são capacitados com noções básicas para desenvolverem ações de defesa civil. 

Já o Mobiliza conta com grupos de trabalho nas dez Prefeituras-Bairro da cidade, promovendo a capacitação de representantes de diversas instituições da Prefeitura e das comunidades atendidas pelas unidades administrativas. 

Graças ao convênio de Cooperação Técnica e Científica entre a gestão municipal e instituições de ensino superior da cidade, universitários de cursos como Arquitetura e Engenharia passaram a ter a chance de ser integrados ao Programa de Voluntários da Codesal. Trata-se de uma ótima oportunidade para os alunos unirem o conhecimento acadêmico à vida real das comunidades. A parceria também prevê, entre outras ações, a execução de estudos e projetos de urbanização nas áreas de risco de Salvador. 

Futuros voluntários – Crianças e jovens alunos da rede municipal de ensino também são preparados para se tornarem voluntários no cotidiano das comunidades que vivem em áreas de risco, através do Projeto Defesa Civil nas Escolas (PDCE). A iniciativa, que também envolve pais, professores e funcionários, visa informar e capacitar por meio de ações educativas e participativas, contribuindo assim com a redução das ocorrências e consequências de desastres e melhorando a qualidade de vida da população. 

As ações educativas acontecem tanto no interior das escolas, por meio de conteúdos traduzidos nos currículos com o auxílio de temas transversais, quanto na comunidade local, mediante ações com princípios educativos, visando melhorar a qualidade de vida dos moradores. -

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑