Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 3 de maio de 2020

SBBA cobra ao Governo e Prefeitura reforço na Caixa

Uma produtiva reunião foi realizada nesta quinta-feira (30/04), entre o Sindicato dos Bancários da Bahia e a Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, com representantes do governo estadual e municipal, da Fenaban, da Caixa e do Ministério Público do Trabalho, para tratar das filas nas agências da Caixa causadas pelo pagamento do auxílio emergencial.


Depois de cobrados pelo Sindicato, governo e prefeitura garantiram apoio da segurança pública, com a Policia Militar e a Guarda Municipal, para auxiliar a organização das filas. Será feito um levantamento das unidades mais críticas em todo o Estado, para intensificação do acompanhamento. Para se ter ideia, até mesmo agressões físicas e verbais os bancários têm sofrido.


A reunião desta quinta-feira (30/04) aconteceu apenas com a Prefeitura de Salvador. Mas, o problema tem acontecido em todo o Estado. Por isso, neste sábado (02/04), nova videoconferência ocorre com os prefeitos do interior da Bahia, embora o reforço policial esteja garantido nas unidades críticas. 

O Sindicato desde o início da pandemia tem cobrado dos bancos e do poder públicos medidas para barrar o contágio do coronavírus nas unidades. Na oportunidade, foram relatados os frequentes problemas do aplicativo Caixa Tem, que causaram dúvidas aos usuários por erro no sistema, levando pessoas a buscarem o atendimento presencial. 


Foi solicitado apoio da Prefeitura para disponibilizar o CRASS (Centro de Referência da Assistência Social) para ajudar no fornecimento de informações e acolhimento à população. A Prefeitura afirmou já vem colaborando e avaliará a inserção do CRASS. Assim como foi solicitado também ao Governo do Estado o apoio para que fosse cumprido o espaçamento de 2 metros para evitar novas contaminações.


Outra pauta levantada na reunião é a sobrecarga de trabalho para os funcionários da Caixa, além da abertura das agências aos sábados. O Sindicato tem criticado a postura da direção do banco e aponta que este não é o caminho. A solução seria o pleno funcionamento do aplicativo e maior organização das filas. Funcionários trabalhando no fim de semana só gera aumento de desgaste físico e mental, atrasando ainda mais o atendimento. 


O Ministério Público do Trabalho e a Superintendência Regional do Trabalho estiveram presentes na reunião e ficaram de acompanhar os casos. 


Na reunião, estiveram presentes o presidente do SBBA, Augusto Vasconcelos, o presidente da Feeb, Hermelino Neto, o Secretário do Trabalho, Emprego Renda e Esporte, Davidson Magalhães, o Secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, o Secretário do Planejamento, Walter Pinheiro e o Secretário Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo, Sérgio Guanabara. Também participaram da vídeo-conferência a Superintendente Regional do Trabalho Gleide Góis, o representante do MPT, Luís Carneiro, além dos dois superintendentes da Caixa na Bahia, João Carlos Dácia e Ismael Boaventura. 

Com informações Bancários da Bahia

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑