Seja bem-vindo. Hoje é

domingo, 14 de junho de 2020

Prefeitura anuncia mais 60 leitos para tratamento de casos do novo coronavírus

Em exatos 90 dias das primeiras medidas adotadas para enfrentamento à pandemia da Covid-19, a Prefeitura vai disponibilizar mais 60 leitos, sendo 20 de UTI e 40 clínicos, para casos do novo coronavírus, através da contratualização do Hospital Salvador, situado na Federação. O anúncio foi feito pelo prefeito ACM Neto em coletiva virtual, ocorrida neste sábado (13), com o balanço das ações municipais de proteção à vida realizadas nos últimos três meses. Pouco antes, o chefe do Executivo municipal acompanhou a missa virtual em celebração ao dia dedicado a Santo Antônio, do qual é devoto. 

Na primeira etapa, o Hospital Salvador terá à disposição dez leitos de UTI e outros 14 clínicos, com previsão de receber pacientes já a partir da próxima semana. O prefeito também informou que já está sendo equipada a segunda tenda do Hospital de Campanha Wet’n Wild, na Avenida Luis Viana (Paralela). 

“A Prefeitura não tem poupado esforços para oferecer novos leitos hospitalares, nessa busca incessante da ampliação da rede para evitar colapso no sistema. Se, ao fim deste processo, conseguirmos ultrapassar tudo isso tendo condições de dar assistência a todas as pessoas que demandam internamento hospitalar, teremos vencido o coronavírus ”, pontuou ACM Neto. 

Em três meses, a Prefeitura já investiu R$192 milhões diretamente em medidas de combate à pandemia da Covid-19, fruto do esforço municipal que contou, inclusive, com contingenciamento dos gastos, através de renegociação dos contratos e corte de 30% nas gratificações. A estratégia foi dividida em cinco eixos de atuação: medidas de distanciamento social, fortalecimento do sistema de saúde, ações sociais, higienização e controle sanitário, e ações especiais nos bairros e no transporte público. 

“O foco definido, desde o primeiro instante, foi o de defesa e proteção à vida. Todos os eixos que foram trabalhados estão conectados a esse foco de preservar a vida, cuidar da saúde e salvar o maior número possível de pessoas na capital”, completou o prefeito. Neste momento, por exemplo, as medidas possibilitaram que a taxa de transmissão da Covid-19 na capital, que chegou a 10%, caísse para atuais 3,9% - mesmo índice da taxa de letalidade da doença em Salvador, que é bastante abaixo de outras capitais do país. 

Distanciamento social – As medidas de distanciamento social tiveram como um dos principais decretos o fechamento de escolas públicas e privadas, academias de ginástica, cinemas, teatros, casas de espetáculo, parques infantis e parques públicos. Também foi determinado o fechamento de shoppings, bares, restaurantes, lanchonetes, clínicas de estética, salões de beleza, casas de shows, boates, danceterias, casas de festas e eventos, lojas de conveniências de postos de combustíveis, mercados municipais e estabelecimentos do comércio de rua acima de 200m². 

Também houve a determinação do uso obrigatório de máscaras para todas as atividades econômicas e também no transporte coletivo e carros particulares, além da publicação de diversos protocolos para atividades com permissão de funcionamento e antecipação de feriados – São João, 2 de Julho e Nossa Senhora da Conceição – para incentivar o isolamento. 

Sistema de saúde – Para garantir o máximo de atendimento aos casos mais graves de Covid-19 na cidade, foram promovidas diversas ações para fortalecer o sistema de saúde. Uma delas foi a ampliação do número de novos leitos próprios ou contratualizados: atualmente, 161 vagas de UTI e 163 leitos clínicos já estão em funcionamento. Outros 89 leitos de UTI e 132 clínicos estão em fase de implantação, chegando assim ao total de 545 vagas apenas para atender a pacientes com o novo coronavírus. 

Foram implantados três hospitais específicos para tratamento da Covid-19, sendo dois em estruturas adaptadas no Itaigara Memorial, no Caminho das Árvores, e no Hospital Sagrada Família, em Monte Serrat. Do zero, foi construído do Hospital de Campanha Wet’n Wild, na Paralela, cuja segunda tenda já está em fase de instalação de equipamento, assim como a entrada no Hospital Salvador no sistema. Houve também reforço na equipe de pessoal especializado, com a contratação de 1.872 profissionais de saúde. 

A área da saúde contou, ainda, com ações complementares, a exemplo da entrega de nove Unidades de Saúde da Família (USFs), instalação de seis gripários – dois já em funcionamento na UPA Vale dos Barris e na Ilha de Bom Jesus dos Passos, e três salas para estabilização de pacientes graves nas USFs Ilha de Maré, Bom Jesus dos Passos e Paramana. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ganhou 20 novas ambulâncias, sendo dez já entregues e os demais deverão entrar em operação nos próximos dias, ampliando assim a rápida assistência nesse período de pandemia. 

Outra ação importante é a testagem da população, com a aquisição de 205 mil testes rápidos e a utilização de dois laboratórios para ampliar a análise dos casos de Covid-19. Mais de 580 mil pessoas – dentre elas quase 300 mil idosos – foram vacinados contra a H1N1 em todos os postos com salas de vacinação e nos pontos drive thru que foram disponibilizados na Arena Fonte Nova (Nazaré), Centro de Convenções de Salvador (Boca do Rio), 5º Centro de Saúde Clementino Fraga (Barris) e nos campi da Escola Bahiana de Medicina situados nos bairros de Brotas e Cabula. 

Completam as iniciativas a distribuição de mais de 3 milhões de itens de equipamentos de proteção individual (EPIs), assim como a criação do Disque Coronavírus 160 para informações sobre a Covid-19 e comunicação de denúncias referentes ao descumprimento dos decretos. 

Ações sociais – Para dar apoio às pessoas em situação de vulnerabilidade social que foram duramente afetadas neste período de pandemia, foi criado o programa Salvador pro Todos. Com investimento de R$20,8 milhões, cerca de 37 mil pessoas do comércio informal e autônomos foram beneficiadas com o valor de R$270 cada – equivalente a duas cestas básicas e um botijão de gás. 

Mais de 163 mil cestas básicas estão sendo distribuídas por mês aos alunos da rede municipal e conveniada de ensino, e do Programa Pé na Escola. Outras 38 mil cestas básicas também são destinadas por mês para pessoas carentes, mães de crianças com microcefalia e outras deficiências, crianças abrigadas e autônomos, dentre outros. Cerca de três milhões de máscaras faciais foram entregues à população em locais como bairros com atividades restritas, em comunidades carentes e nas estações de transbordo, assim como aos ambulantes.



A rede física de apoio foi reforçada com a entrega dos novos Centro de Referência e Assistência Social de Itapagipe, no Bonfim, e Restaurante Popular de Pau da Lima. Para as pessoas em situação de rua, público dentre os mais vulneráveis ao novo coronavírus, foram instaladas nove Unidades de Acolhimento Emergencial, quatro contêineres com chuveiros em pontos de distribuição de alimentos, uma unidade móvel de lavanderia industrial e cinco consultórios de rua, além do novo Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro Pop) Djalma Dutra.



Através do programa Salvador Solidária, 77 toneladas de alimentos e produtos de limpeza e higiene pessoal foram recebidas através de doação da população e distribuídas a entidades de assistência social cadastradas pela Prefeitura. Foram implantados, ainda, cinco Postos de Distribuição de Alimentação para a População, com o fornecimento gratuito diário de 4 mil quentinhas e lanches.



Higienização e controle sanitário – Para minimizar a transmissão da Covid-19, a Prefeitura também tem promovido atividades de higienização e controle sanitário em diversos pontos da cidade, com a colaboração de 148 agentes. Durante estes três últimos meses, foram promovidas 7.435 ações de desinfecção e higienização em locais de grande circulação, como as estações de transbordo de Mussurunga, Acesso Norte, Lapa e Pirajá; nas ruas, unidades de saúde, pontos de ônibus, cemitérios, finais de linha de ônibus, locais de distribuição de quentinhas, entre outros equipamentos.



Bairros – Para reduzir a transmissão do novo coronavírus em bairros com maior número de casos, a Prefeitura adotou medidas setorializadas que tiveram, como intuito, a proteção à vida dos cidadãos. Nessas localidades, foram distribuídas 248 mil máscaras faciais distribuídas; realizados 26,3 mil testes rápidos, sendo mais de 4,6 mil positivos; distribuídas 2,7 mil cestas básicas; realizados 2,3 mil atendimentos através do Cras Itinerante e mais de 360 pelo CadÚnico; promovidas 16,9 mil sensibilizações e abordagens a pessoas destas localidades; e cumpridas 85,8 mil ações de fiscalização, com 4.565 interdições e 91 cassações de alvarás.



Vinte e quatro localidades passaram ou passam por medidas de proteção à vida. São elas: Beiru/Tancredo Neves, Boca do Rio, Bonfim, Brotas, Cabula, Centro, Cosme de Farias, Fazenda Grande do Retiro, Itapuã, Liberdade, Lobato, Massaranduba, Nazaré, Nova Sussuarana, Paripe, Periperi, Pernambués, Pituba (incluindo a orla), Plataforma, São Caetano, São Marcos, Sussuarana e Uruguai.



Uma operação especial foi montada com a Guarda Civil Municipal para dar apoio às ações de cumprimento ao distanciamento social. Uma delas foi o ordenamento das filas da Caixa para recebimento do Auxílio Emergência do Governo Federal, que envolveu a colocação de cadeiras, higienização das mãos e distribuição de máscaras aos cidadãos. 

Os agentes também atuam em apoio à Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) na fiscalização do cumprimento dos decretos municipais; à Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre) na distribuição de cestas básicas e quentinhas; e à Secretaria de Mobilidade (Semob) na organização e fiscalização das estações de ônibus. 

Transporte coletivo – Para melhor atender ao público que necessita se deslocar durante este período de distanciamento social e dar mais segurança a rodoviários e passageiros, foram adotadas medidas especiais no transporte coletivo da cidade. Através da Semob, foi implementada uma nova operação assistida para as principais linhas que atendem o Subúrbio, uma das regiões mais populosas da cidade. 

A Prefeitura está realizando com regularidade testes rápidos nos rodoviários e, assim como acontece com as máscaras, técnicos estão em estações ou nos ônibus checando a temperatura das pessoas. A partir da próxima semana, inclusive, esta ação será reforçada com a implantação de uma câmera de temperatura na Estação da Lapa. 

Além da higienização e desinfecção geral que os ônibus passam no final do dia, as desinfecções rápidas nos fins de linha foram intensificadas. Os rodoviários passaram a utilizar máscaras faciais e serem protegidos por barreiras físicas, com materiais distribuídos e instalados pelas empresas de ônibus. 

Também foi promovida uma campanha de utilidade pública mostrando como os passageiros podem ajudar a se proteger e a proteger o próximo. Para auxiliar financeiramente as empresas concessionárias que sofreram forte impacto com a pandemia, a gestão municipal efetuou a compra de R$5 milhões em créditos de Vale Transporte, a serem utilizados em momento oportuno. 

Próximas medidas – Questionado pela imprensa, o prefeito informou que a administração municipal vai iniciar um processo forte de revisitação das localidades que já passaram por medidas restritivas. Isso para evitar situações como a da Avenida Joana Angélica (Centro), que voltou a apresentar cenas preocupantes de aglomeração. “Vamos fazer um trabalho mais refinado e fechar apenas aquelas atividades que realmente estão descumprindo as medidas de segurança”, disse ACM Neto.

Além disso, já há um protocolo bem definido para reabertura dos shoppings e comércio de rua da cidade, que deverá ser feito em etapas. No entanto, ainda não há data para início dessa retomada, que depende do cenário do coronavírus na cidade. Ontem, a taxa de ocupação dos leitos de UTI na rede pública de saúde é de 81% e, dos leitos clínicos, de 72%, sendo que a rede particular apresenta 79% de ocupação. 

Sobre a continuidade do programa Salvador por Todos, deverá ser encaminhado à Câmara um novo projeto de lei prorrogando os benefícios por mais um período, com detalhes a serem divulgados em breve.

0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑