Seja bem-vindo. Hoje é

quarta-feira, 9 de setembro de 2020

Defesa Civil já capacitou mais de dois mil moradores de áreas de risco



Mais de dois mil moradores de áreas de risco já foram capacitados pela Defesa Civil de Salvador (Codesal) como multiplicadores de informação das ações preventivas do órgão. A iniciativa tem como objetivo preparar a população para contribuir com a redução da ocorrência de desastres. 


O programa segue os parâmetros da Política Nacional de Práticas e Defesa Civil, desenvolvido pelo governo federal. De 2016 até agora, o órgão contabilizou 2.430 voluntários capacitados. Além disso, 55 Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil (Nupdecs) foram criados nas comunidades de Salvador. 


Nessas comunidades, são realizadas atividades para compartilhar experiências relacionadas à organização, percepção de risco e primeiros socorros. Os capacitadores buscam preparar os moradores para reconhecer situações de risco e atuar na redução de danos. Esse processo de qualificação tem o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM). 


Para participar da capacitação, é necessário ser maior de 16 anos e residir em área de risco. Outro critério é que os candidatos a voluntários sejam pessoas envolvidas e preocupadas com a comunidade e que possam ser multiplicadores das informações. Em função da pandemia do novo coronavírus, o processo de qualificação, que antes tinha duração de uma semana, agora acontece em três, e as pessoas são escolhidas pelos líderes comunitários indicados pelas Prefeituras-Bairro de cada região. 


“Com os núcleos formados, buscamos contribuir com a construção de uma cultura voltada à prevenção de riscos e desastres, além de capacitar voluntários para atuar como replicadores das ações. Costumamos dizer que os voluntários são os olhos da Defesa Civil nessas áreas, principalmente na observação cotidiana dos riscos, além de serem elementos de comunicação para a gestão municipal”, afirma a coordenadora do projeto, Simone Café. 


A próxima comunidade a receber a capacitação será a da Nova Direita, em Boa Vista do Lobato, no mês de outubro. Entre aquelas que já foram contempladas estão a Vila Picasso (Capelinha de São Caetano), Bosque Real (Sete de Abril), Calabetão, Baixa do Cacau (Lobato) e Praia Grande (Ilha de Maré). 


Ações – Para manter e fortalecer os Núcleos já formados, a Codesal realiza atividades complementares nas comunidades em parceria com os órgãos do Sistema Municipal de Proteção e Defesa Civil. Já foram realizadas ações de saúde bucal, em parceria a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), e o Vale Luz, promovida pela Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba).


 Foto: Bruno Concha/Secom



0 comentários :

 
SALVADOR NOTÍCIAS - Notícias, Reportagens, Cultura e Entretenimento.
Todos os direitos reservados desde 2003-2019 / Salvador - Bahia / . Contato: redacao@salvadornoticias.com
- Topo ↑